Dia Mundial das Telecomunicações …

Celebra-se hoje, 17 de Maio, o Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade de Informação, instituído pela União Internacional de Telecomunicações (UIT). As telecomunicações ocupam, cada vez mais, um lugar de destaque num mundo globalizado, face ao intenso desenvolvimento tecnológico atribuído ao sector. Esta iniciativa visa promover a consciencialização pública para os benefícios da utilização da Internet. O tema escolhido para 2011 é “melhor qualidade de vida nas comunidades rurais com as TIC” (“better life in rural communities with ICTs”) e tem por objectivo destacar o importante papel das  Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) como catalisadoras da promoção da qualidade de vida das pessoas, da sociedade e da economia no contexto rural, potenciando melhor qualidade de vida, combatendo a pobreza, a iliteracia e a exclusão social.

 

Anúncios

Dia Mundial das Telecomunicações e da Soc. da Informação

Assinala-se hoje o Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade da Informação. A data assinala a criação da UIT – União Internacional de Telecomunicações, fundada a 17 de Maio de 1864. Na sequência do encontro da Cúpula Mundial sobre a Sociedade da Informação, em Túnis, constituiu-se posteriormente o dia 17 de Maio, também como o Dia Mundial da Sociedade da Informação.

 Desde os dias do telégrafo, passando pelas comunicações na era espacial, até a nova era do ciberespaço em que hoje estamos a UIT sempre ajudou a ligar a humanidade no mundo inteiro.

”Melhor cidade, melhor vida com as tecnologias da Informação e comunicação (TIC)” é o tema deste ano por decisão da União Internacional das Telecomunicações (UIT), onde a ANACOM assegura a representação nacional. Procura-se assim chamar a atenção para o papel catalisador que as TIC podem ter para alcançar de melhores condições de vida nos futuros ambientes urbanos.

A Fundação Portuguesa das Comunicações assinala esta data com a inauguração da exposição da artista Daniela Ribeiro, intitulada “Olho Biónico: Ensaio de Comunicação

 

“Olho Biónico: Ensaio de Comunicação”  integra  componentes electrónicos de cerca de 2000 telemóveis e um sistema avançado de conexão via Internet entre pessoas através de olhos biónicos. Os 14 olhos biónicos, apresentados enquanto obras de arte que combinam fotografia e tecnologia, ligados entre si por Internet, permitem o alcance de novas realidades, como por exemplo, um pai que queira ver o seu filho, basta que se ligue ao olho do professor!…

Este trabalho desperta questões éticas e morais sobre a evolução tecnológica das comunicações e pretende provocar diferentes reacções nos visitantes.  Segundo a artista, a forma como vamos comunicar no futuro deve ser fruto de uma reflexão no presente, antes desta visão evolutiva se tornar realidade.