A magia das palavras com Jorge Ventura (cont.)

Aventureiro das palavras, qual empreendedor crítico e criativo, que tem o poder  das palavras certas, palavras diferentes.  

iii

Nada, como eu

“Confesso que me comovem os Homens simples, de imagem e postura esculpidas no ateliê do sorriso fácil e olhar expressivo, ávidos de atenção, de momentos de subversão do status da ausência, dolorosa, porque decorrente da indiferente presença de outros, de confusa proveniência, mas de diversa proeminência, postura, e até, prepotência.

Esses, os que me comovem, cujo tempo socalca o rosto, endurece a pele, subtrai o esmalte e ofusca o brilho, mendigam o tempo, de partilha, comunhão, participação.

Presentes, estão ausentes, ocupados em tarefas importantes, relevantes, que não dispensam o uso da mão, gretada e forte, desses, ausentes, sempre presentes, mendigos do tempo, de atenção, reconhecimento, gratidão.

Esses, os que me comovem, ocupam o espaço, vazio, na multidão da indiferença, olham em redor, com olhar expressivo, e percebem a ausência da consciência da sua presença, são nada, nadas, numa solitária existência, individual ou adicionada, mas cuja soma é, invariavelmente, nada.

Suceder-se-ão os dias, os meses, os anos, e esses, os que me comovem, limitados no tato, no afeto, na atenção, continuarão a ver subtraída a razão adstrita à nobre ilusão de, sendo o que são, serem, como os outros, parcelas de uma mesma adição.”

Aos Homens simples

Primeira edição do Prémio Literário Nortear – decorre até 30 de setembro

20156111347_livros260315

A primeira edição do Prémio Literário Nortear, no valor de dois mil euros, foi lançada a 12 de junho e decorre até 30 de setembro, para incentivar a criatividade dos jovens escritores da Eurorregião Galiza – Norte de Portugal.

Esta iniciativa corresponde ao «primeiro ato concreto de cooperação» cultural transfronteiriça, aceita candidaturas dos residentes na Eurorregião «menores de 36 anos» e insere-se num projeto de colaboração mais abrangente que pretende, no futuro, ter «implicações no turismo, no emprego e na economia» das duas regiões, notou Anxo Lourenço, conselheiro da Cultura da Junta da Galiza, na cerimónia de apresentação do prémio que decorreu hoje na Casa Allen, no Porto.

Dedicado a obras originais escritas nas línguas portuguesa e galega, no género de relato curto/conto, o regulamento do galardão prevê, para além do prémio pecuniário de dois mil euros ao vencedor do concurso, «a publicação da proposta criativa ganhadora numa edição portuguesa e noutra em galego, acrescentou Anxo Lourenço.

Fonte: Diário Digital

Livro do dia – “O Facilitador”

Receba GRÁTIS o livro “O Facilitador”

A vida é feita de oportunidades! Saia da sua zona de conforto, é verá que a magia acontece !

O Empreendedorismo Português que está a dar cartas no mundo inteiro.

(Clique na imagem e aceda ao portal)

kkkk

Dom Quixote – Livro original digitalizado

Dom Quixote marcou a história da literatura deixando nos seus leitores marcas profundas de sabedoria.

A Biblioteca Nacional de Espanha disponibiliza a obra original, digitalizada, para todos os apreciadores e colecionadores de bons livros.

(Clique na imagem e aceda ao site)

qqqqq

http://quijote.bne.es/libro.html

Livro do dia: “Vaidade e Ganância no Século XXI”

1507-1

“Os sinais exteriores de riqueza parecem ter-se tornado um valor depois dos anos 80 de século XX. Ser rico e demonstrá-lo contrastava com uma postura mais pacata dos verdadeiramente ricos de outras décadas.Voltou-se de alguma maneira, a lógica aristocrática da ostentação. Num livro muito estimulante, Simon Blackburn, professor de filosofia da Universidade de Oxford, fala sobre os limites éticos e morais da vaidade e da ganância neste novo século.

Combinando com brilhantismo a sabedoria, o humor e o estilo, este livro analisa o que os grandes pensadores afirmaram sobre o amor-próprio: de Aristóteles, Cícero e Erasmo a Rousseau, Adam Smith, Kant e Iris Murdoch. Examina as obsessões atuais com o «eu», como as selfies, a cirurgia plástica e as intervenções cosméticas, e reflete sobre fenómenos correlacionados como a inevitável mercantilização da vida social e o trágico excesso de confiança de políticos como George W. Bush e Tony Blair. Em última análise, mostra porque é a auto estima uma parte necessária e saudável da nossa vida.”

Autor Simon Blackburn, BLACKBURN, SIMON
Editor Temas & Debates
Data de lançamento Fevereiro 2015
N.º Páginas                 244

Livro do dia – “Dar e Receber” de Adam Grant

livro

Capa Dar e Receber

PORQUE CHEGAM ALGUNS AO TOPO, ENQUANTO OUTROS NÃO PASSAM DA MEDIOCRIDADE?  COMO PODEMOS SER BEM-SUCEDIDOS NA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL?

Uma abordagem revolucionária sobre SUCESSO, GENEOSIDADE e INFLUÊNCIA.

A  editora VOGAIS disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, aqui.

__________________________

Adam Grant, com apenas 31 anos, é o professor titular mais jovem de sempre da prestigiada Wharton School, tendo recebido o prémio de Excellence in Teaching por todas as cadeiras que deu nesta universidade. É consultor de empresas como a Apple, Google, Facebook, Pixar, Merck ou Goldman Sachs. Tem mais de 60 artigos publicados em algumas das revistas científicas de Psicologia e Gestão mais prestigiadas do mundo.

Venceu os prémios de excelência académica da American Psychological Association, da Academy of Management e da Society for Industrial and Organizational Psychology. Os seus estudos têm sido destacados em livros bestsellers como Silêncio, de Susan Cain, Drive e Vender é Humano, de Daniel H. Pink, Thrive, de Arianna Huffington, e David e Golias, de Malcolm Gladwell.

LER e APRENDER sempre…

LER  é sonhar, amar, viajar, conhecer  e aprender. Ler é ter a oportunidade de encarnar todo tipo de aventura através dos personagens. Muito original foi  a ideia da livraria italiana Mint Vinetu, de publicitar o hábito à leitura utilizando  as capas dos livros como máscaras. A campanha mostra como é simples mergulhar no mundo da leitura e poder vir a transformar-se no seu herói favorito.

Na sequência: Dom Quixote (Cervantes), O Homem Invisível (H.G. Weels), Hamlet (Shakespeare) e Frankestein ( Mary Shelley).

mintvinetubookstore4

 mintvinetubookstore3

 mintvinetubookstore2

 mintvinetubookstore1

 Neste verão e nas suas férias não deixe de viajar acompanhado de LIVROS.