Referências…

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Publicações oficiais – União Europeia

  • Comissão Europeia (2002). Relatório Final do Grupo de Peritos – Projecto sobre Educação e Formação para o Desenvolvimento do Espírito Empresarial no Âmbito do Procedimento Best. Publicações DG Empresa. Bruxelas.
  • Comissão das Comunidades Europeias (2003). Livro Verde – Espírito Empresarial na Europa. Publicações DG Empresa. Bruxelas.
  • Comunidades Europeias (2004). Contribuir para a criação de uma cultura empresarial – Guia de boas práticas para a promoção de atitudes e competências empresariais através da educação. Publicações DG Empresa. Bruxelas.
  • Comissão Europeia (2004). Relatório Final do Grupo de Peritos – “Educação para o desenvolvimento do espírito empresarial” – Fomentar a promoção das atitudes e competências empresariais no ensino básico e secundário. Publicações DG Empresa. Bruxelas.
  • Comissão Europeia (2005). Projecto do Procedimento Best: “Mini- Empresas no ensino secundário” – Relatório final do grupo de peritos, Publicações DG Empresa. Bruxelas.
  • Comissão Europeia (2005). Implementation of Education and Training 2010 – Work Programme – Focus Group on Key Competences Report. Bruxelas.
  • Comissão das Comunidades Europeias (2006). Comunicação da Comissão ao Conselho, ao Parlamento Europeu, Ao Comité Económico e Social Europeu e ao Comité das Regiões. Aplicar o Programa Comunitário de Lisboa: Promover o espírito empreendedor através do ensino e da aprendizagem. Bruxelas.
  • Relatório da Eurydice  – Educação para o Empreendedorismo nas Escolas Europeias: Estratégias Nacionais, Currículo e Resultados de Aprendizagem. (disponível apenas em Inglês no site da Eurydice)

 UNESCO

  • UNESCO – Secção para a Educação Técnica e Vocacional (2006). Starting my own small business. França.

Ministério da Educação

  • Abrantes, P. (et.al) (2002). Reorganização Curricular do Ensino Básico. Ministério da Educação. Departamento da Educação Básica. Lisboa.
  • Pureza, J.M (coord.) (2001). Educação para a Cidadania: Cursos Gerais e Cursos Tecnológicos 2/coord. Ministério da Educação. Departamento do Ensino Secundário. Lisboa.
  • Guião «Promoção do Empreendedorismo na Escola». Ministério da Educação/Direcção-Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular – Autores Miguel Mata Pereira – ISPA (Instituto Superior de Psicologia Aplicada), José Soares Ferreira – CB (Central Business) e Ilda Oliveira Figueiredo – DGIDC ( 2007)

 Conselho Nacional de Educação

  • Parecer n.º 5/2010

Parecer sobre o Programa Educação 2015

  • Parecer n.º 4/2011

 Diversos

  • Andrade, R.M.C.; Acúrcio, M.B. (org.). (2005). O Empreendedorismo na Escola. Artmed Editora. São Paulo.
  • Ceitil, M. e outros (2006). Gestão e desenvolvimento de Competências. Lisboa: Edições Sílabo, Lda.
  • Carvalho, J. Cultura empresarial e criação de empresas.
  • Dias, J.B. (). O perfil psicológico do criador de empresas – indicadores de sucesso.
  • Frazão, L. (2005). Da Escola Ao Mundo do Trabalho. Competências e inserção sócio-profissional. Lisboa Ministério da
  • Global Entrepreneurship Monitor 2004.
  • Neves, J., Garrido, M., Simões, E., (2006). Manual de Competências Pessoais, Interpessoais e Instrumentais – Teoria e Prática. Lisboa: Edições Sílabo, Lda.
  • Observatório do Emprego e da Formação Profissional (2006). Estudo sobre a criação de empresas a nível local e a sua correlação com a oferta formativa existente. Portugal.
  • Pereira, F.C. (). Representação social do empresário.
  • Rego, A. (2003). Psicologise-se a economia. Revista Economia Pura. Abril.
  • Coletânea de artigos organizada pela professora Rose Mary Almeida Lopes, da ESPM e FAAP.  Educação Empreendedora: Conceitos, modelos e práticas.

_______________________

  • Drucker (1986). Inovação e espírito empreendedor (entrepreneurship). Prática e Princípios. Brasil

_______________________

  • McCelland, D.C. (1973). Testing for competence rather than intelligence. American Psychologie.
  • McCelland, D.C. (1965). Achievement and entrepreneurship, Journal of personality and Social Psycology
  • Mullender, A. & Dave W. (1991). Self-Directed Gruopwork: Users Take Action for Empowerment. London, Whiting and Birch.
  • Shumpeter, J. (1942). Capitalism, Socialism and democracy. Harper and Row. NY.
  • Spencer, Jr., L. M. & Spencer, S. M. (1993). Competence at Work: Models of superior performance.Nova Iorque: John Wiley & Sons, Inc.

 

CONFERÊNCIAS

  • Conferência. Educação para o Empreendedorismo – Melhor escola, melhor sociedade. Abordado na sessão dos webinars produzidos pela DGIDC em 13 de Outubro p.p. O orador convidado foi o Professor Doutor Eduardo Correia do CIES, ISCTE-IUL. Conferência em  http://webinar.dgidc.min-edu.pt/

 

LEGISLAÇÃO

  • Resolução do Conselho de Ministros nº 45/2012 – Define as competências, a composição e as regras de funcionamento do Conselho Nacional para o Empreendedorismo
  • Resolução da Assembleia da República nº 58/2012 publicada no Diário da República, 1ª série – nº 86 de 3 de maio de 2012. Incentivo ao empreendedorismo jovem.

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: