Portugal vence World Photo Cup no Japão |Entre melhores fotógrafos de 26 países | 2017

11111

“A equipa de fotógrafos portugueses que esta semana participou no Japão na World Photographic Cup (WPC) 2017 foi a vencedora dessa competição internacional, também disputada por outras 25 seleções de profissionais de imagem. Funcionando como um campeonato do mundo em que os fotógrafos propostos por cada país concorrem individualmente a várias categorias de imagem, e contribuem depois com os seus resultados pessoais para a classificação coletiva da seleção que representam, o evento volta assim a distinguir Portugal com o 1.º lugar da tabela, que já venceu no ano passado.

«Parabéns à equipa de Portugal por ganhar o WPC duas vezes seguidas», declara, no site do evento, o presidente do júri, Jorgen Brandt, referindo que a quarta edição do campeonato foi “uma competição incrivelmente renhida”.

Fonte: Observador.pt

V Seminário de Empreededorismo Jovem 2017 – Estarreja

sssss

14.ª Edição – Prémio Fundação Ilídio Pinho 2016/2017

1-1024x576-copiaMais uma vez o Agrupamento de Escolas de Estarreja se distingue pela sua dinâmica e qualidade das suas aprendizagens, porque nesta ESCOLA SONHAR não é proibido… porque a ambição é a porta do SUCESSO para todos os seus alunos.
Três projetos foram considerados de mérito, no âmbito da 14.ª Edição do Prémio Fundação Ilídio Pinho – Ciência na Escola 2016/2017 e que passaram à fase de desenvolvimento:

  •  “Ruído, por que não te quero?”- Professora responsável Catarina Rodrigues (2.º escalão);
  • “Máquina Multifunções – ESPOLIX” – Professor responsável Samuel Pereira (4.º escalão);
  • “COLTEC o Colete Tecnológico – Wearable Technology ao serviço da segurança rodoviária” – Professora responsável Rosário Santos (5.º escalão).

A entrega dos prémios de participação pelo Júri Regional da 1.ª fase teve lugar no dia 18 de janeiro, na Escola Artística do Conservatório de Música de Coimbra, e contou com a presença do Diretor do Agrupamento, professor Jorge Ventura.
A Mesa de Honra contou com a presença, da Delegada Regional da Educação do Centro, Dr.ª Cristina Oliveira, do Coordenador Nacional do Prémio “Ciência na Escola”, Dr. António Proença, o Responsável do Prémio “Ciência na Escola”, Prof. Joaquim Azevedo, o Presidente da Fundação Ilídio Pinho, Eng.º Ilídio Pinho e Ministro da Educação Dr. Tiago Brandão Rodrigues.

 

EMPREENDEDORISMO no Agrupamento de Escolas de Estarreja

No âmbito do programa “Empreendedorismo na Escola”, promovido pela Câmara Municipal de Estarreja, em parceria com o Agrupamento de Escolas de Estarreja e o seu Núcleo/Clube de Empreendedorismo, os alunos dos 10º e 11º de Estarreja e Vagos participaram na 2ª edição da Academia Empreendedora, que visou estimular o empreendedorismo nos jovens e fomentar atitudes e comportamentos propícios ao desenvolvimento de uma cultura inovadora e criativa.

Aqui fica a notícia!

(Clique na imagem para aceder à notícia)eee

 

 

BOAS FESTAS

natal-de-2017

O ano mais poderoso em ideias |2016

Um ano em ideias. Grandes ou pequenas. Emocionais ou tecnológicas. Que mudaram uma pessoa ou uma nação. Que ultrapassam barreiras ideológicas, linguísticas, culturais, religiosas e sociais.

Para aceder ao vídeo, clique: https://www.facebook.com/TED/?hc_ref=ADS&fref=nf

wwwww

 

 

 

Adidas e Parley produzem ténis feitos com lixo plástico

Já começou a produção de 1 milhão de ténis feitos com lixo plástico retirado do oceano!

adidas-parley-conexao-planeta

Adidas e Parley acabam de anunciar que, a partir deste mês, 7 mil ténis estarão à venda nas lojas da marca, ao preço de 220 dólares. Cada par usa onze garrafas plásticas, transformadas em fios, na fabricação de sua parte superior. Já a sola, cadarço e a meia embutida são confeccionados com resíduos de garrafas PETreciclados.

Além do ténis, batizado de UltraBOOST Uncaged Parley, a marca desenvolveu camisas, também com lixo plástico, para os jogadores de futebol das equipes do Real Madrid e Bayern de Munique.

adidas-parley-bayer-conexao-planeta

Longe de ser somente uma ação de marketing,  a Adidas se comprometeu publicamente a produzir, até o final de 2017, no mínimo 1 milhão de pares do novo ténis. O objetivo da empresa, impulsionada pela parceria com a Parley, é deixar de usar plástico virgem na fabricação de seus calçados.

Estima-se que estejam espalhados pelos oceanos do planeta aproximadamente 5,2 trilhões de resíduos plásticos. Este mês, uma imagem chocante rodou o mundo, mostrando imensas baleias cachalotes mortas na areia. Treze delas encalharam em março deste ano, na costa norte da Alemanha, mas só agora, em novembro, pesquisadores daquele país divulgaram o resultado da autópsia  realizada nos animais  revelaram que, no estômago de quatro delas, foi encontrada uma enorme quantidade de resíduos plásticos, entre eles, uma rede de pesca de 13 metros de comprimento. 

“Ninguém conseguirá salvar os oceanos sozinho. Cada um de nós deve desempenhar um papel. Está nas mãos das indústrias inovadoras reinventar materiais, produtos e modelos de negócios. E o consumidor deve pressionar por esta mudança”, afirmou Cyrill Gutsch, fundador da Parley for the Oceans.