Para empreendedores – Prémio Brisa Mobilidade

prémio-brisa-mobilidade-2019

“Estão abertas as inscrições para o Prémio Brisa Mobilidade, a vertente do concurso de empreendedorismo da Acredita Portugal orientada a serviços e produtos de mobilidade inovadores. A iniciativa junta empreendedores, especialistas, mentores e investidores numa plataforma de partilha de experiência e conhecimento e promoção e desenvolvimento de novas ideias de negócio.

O Prémio Brisa Mobilidade 2019, destina-se a estimular e promover a criação de serviços e produtos de mobilidade inovadores, desenvolvidos em parceria com a Brisa. A iniciativa integra o Montepio Acredita Portugal, o maior concurso de empreendedorismo de Portugal e o segundo maior a nível mundial e premeia ideias e projetos que passam por vários setores e áreas económicas e sociais. Recebeu, na sua última edição, mais de 11 mil ideias de negócio.

As inscrições podem ser submetidas online, de forma gratuita, até ao dia 20 de janeiro de 2019 através do site acreditaportugal.pt.

Este Concurso pretende apoiar qualquer pessoa com uma ideia de negócio, independentemente da sua idade, nível de formação e localização no território nacional, apoiando projetos promissores com know-how especializado para o seu desenvolvimento e avaliação. Os melhores projetos têm contacto direto com investidores, especialistas e mentores, assim como o acesso a formação personalizada e a oportunidade de integrar um programa de pré-aceleração. O vencedor do Prémio Brisa Mobilidade será incubado pela Brisa e receberá o apoio da empresa na fase go to market.”

Mais notícias em: http://www.empreendedor.com/premio-brisa-mobilidade-procura-empreendedores/

 

Anúncios

Prémio Fundação Ilídio Pinho “Ciência na Escola” – 16.ª Edição | Inscrições abertas

FIPCE-18-19-site

A ciência na escola ao serviço do desenvolvimento de Portugal.

Está aberto, até ao dia 24 de dezembro de 2018, o Concurso de Ideias para a presentação de propostas de projetos nos cinco escalões a concurso:

1.º Escalão – projetos com a participação de crianças da educação pré-escolar;
2.º Escalão – projetos com a participação de alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico;
3.º Escalão – projetos que envolvam alunos do 2.º Ciclo do Ensino Básico;
4.º Escalão – projetos que envolvam alunos do 3º. Ciclo do Ensino Básico;
5.º Escalão – projetos que envolvam alunos do Ensino Secundário.

Para mais informação consulte o Aviso de Abertura e o Regulamento

 

Secundária de Estarreja com 3 projetos na final do Concurso Fundação Ilídio Pinho (15.ª edição) em destaque no Diário de Aveiro

Notícia capaNoticia Ilídio0002

Escola Secundária de Estarreja com 3 projetos na MOSTRA FINAL – 15.ª Edição, Prémio Fundação Ilídio Pinho Ciência na Escola

Nova distinção para o Agrupamento de Escolas de Estarreja …

A ESCOLA SECUNDÁRIA DE ESTARREJA apura-se para a MOSTRA FINAL da 15.ª Edição, Prémio Fundação Ilídio Pinho Ciência na Escola, com 3 projetos inovadores, que integram os 100 melhores, selecionados por um júri Nacional num universo de 1269 trabalhos científicos, produzidos pelos alunos de todos os níveis de ensino do país, que estarão em destaque no início de setembro em Lisboa.

  • “DIGITAL LOCKER” – Sistema de Reconhecimento Biométrico (3.º ciclo, 4.º escalão) | Prof.ra coord. Filipa Vidal.
  • “INTELLIGENT COOLCAR” – A aposta na humanização ecossustentável (Ensino Secundário, 5.º escalão) | Prof. coord. Samuel Pereira.
  • “JOYBIKE e TRIREK” – A mobilidade como fator de inclusão e instrumento de humanização (Ensino Secundário, 5.º escalão) | Prof.ra coord. Rosário Santos.

A 15.ª edição do projeto “Ciência na Escola” é uma iniciativa conjunta da Fundação Ilídio Pinho, do Ministério da Educação e do Ministério da Economia, o mais prestigiado concurso a nível Nacional e tem como mote “A ciência na escola ao serviço do desenvolvimento e da humanização”. Os projetos deverão ter um caráter eminentemente prático e multidisciplinar, mobilizando as várias
áreas curriculares para o seu desenvolvimento, e envolver os estudantes em experiências e trabalhos de grupo, que lhes permita reconhecer a importância do conhecimento e do método científico, nas suas atividades futuras.

Para o Agrupamento de Escolas de Estarreja, este é mais um reconhecimento público, fruto do trabalho entusiástico de docentes, alunos e direção, numa escola que cada vez mais se afirma na região pela qualidade do seu ensino, produzindo projetos singulares, soluções empreendedoras de base científica e inovação tecnológica.

Esta é uma Escola comprometida com o sucesso e futuro dos seus alunos!
__________________________
Confira aqui a listas de Escolas/projetos selecionados:
https://www.dgeste.mec.pt/…/lista-de-projetos-selecionados…/    

 

 

 

Participação da ESE na XII Mostra Nacional de Ciências, concurso de Jovens Cientistas é notícia no Jornal de Estarreja.

Notícia - Jornal de Estarreja

3.º e último dia da XII Mostra Nacional de Ciências, concurso de Jovens Cientistas.

Na sessão de encerramento, contámos com a presença do Diretor do Agrupamento de Escolas de Estarreja, Jorge Ventura, a âncora de esperança para o fortalecimento de uma Escola de referência.
Uma saudação especial ao vereador responsável pelo pelouro da Educação da Câmara Municipal de Estarreja, João Alegria, agradecendo a sua presença.
E como os últimos são sempre os primeiros, aos nossos alunos, um agradecimento muito especial, pelo seu desempenho, seriedade e dedicação, uma prestação exemplar: Andreia Filipa Anjos Lopes Mané ( a frequentar o 1.º ano da Universidade), Bruna Alexandra Dias Oliveira, Diana Isabel Abreu Nunes, Gisela Sofia dos Santos Aguiar; Henrique Rafael Rodriguez Lopes e Ricardo Manuel Cosme dos Santos.

FORAM FANTÁSTICOS!

2.º dia da XII Mostra Nacional de Ciências, concurso de Jovens Cientistas.

Os stands afetos aos projetos “ESPOLIX” e “COLTEC” da Escola Secundária de Estarreja, tiveram visitas ilustres: 
– da ESTGA-UA, nosso parceiro na concretização do projeto COLTEC, o Prof. Dr. Mário Rodrigues, (investigador no Instituto de Engenharia Eletrónica e Informática de Aveiro), o Eng.ro Jorge Melo e o Dr. Paulo Augusto. 
– Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Eng.ro Manuel Heitor.