“Visitas Técnicas de Intercâmbio” – PACOPAR | AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ESTARREJA

No dia 22 de outubro, o GRUPO de AMBIENTE do PACOPAR, proporcionou aos seus membros a primeira de duas “Visitas Técnicas de Intercâmbio” – empresas DOW e AIR LIQUIDE, com o Agrupamento de Escolas de Estarreja a estar representado por dois professores, Luís Parracho e Rosário Santos, responsáveis, respetivamente pelas áreas de “Segurança” e “Comunicação “.
A iniciativa foi proporcionar aos colaboradores institucionais do PACOPAR uma sessão de apresentação do Complexo Químico de Estarreja (CQE), ao nível do conhecimento dos processos produtivos e das boas práticas que garantem a minimização dos impactos das atividades industriais do setor químico no meio ambiente e na saúde das pessoas, realizado pelos técnicos de AMBIENTE e SEGURANÇA das empresas supracitadas. Seguiu-se vista às duas fábricas, focalizada nos sistemas de controlo e automação operacionais, incluindo a instrumentação. Uma sessão de debate e de troca de ideias encerrou este primeiro intercâmbio técnico, importante na compreensão das melhores práticas ambientais de segurança e prevenção de riscos, numa postura de rigor e transparência, do melhor que se faz na Europa.
A vertente económica do Complexo Químico de Estarreja reveste-se de um significado especial como factor de confiança para o futuro da economia local/regional, concelho de Estarreja e região de Aveiro, desempenhando um papel determinante na economia portuguesa. Garante quase 500 postos de trabalho diretos, 418 milhões de euros de exportações e 209 milhões de euros para a balança comercial. Estima-se que a atividade do CQE corresponda a cerca de 940 milhões de euros de produção, o equivalente a 0,3% do PIB total de Portugal.
O Complexo Químico de Estarreja assume-se como um dos mais importantes centros da indústria petroquímica nacional e um dos mais atuais clusters europeus da indústria química.

 

 

 

Novo 1.º lugar para a ESCOLA SECUNDÁRIA DE ESTARREJA

O projeto “NEPTUNO SPEAKER – Boia de salvamento aquático inteligente”, após ter ido à final de um concurso internacional, “Desafio Empreende” em Barcelona, continua o seu trajeto em pleno crescimento e afirmando-se como uma ideia inovadora numa conceção de negócio diferenciadora. Hoje, em Sever do Vouga e em representação do Município de Estarreja, vence concurso Intermunicipal – Ideias de Negócio 2019 promovido pela Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA) – Águeda, Albergaria-a-Velha, Anadia, Aveiro, Estarreja, Ílhavo, Murtosa, Oliveira do Bairro, Ovar, Sever do Vouga e Vagos.
Esta é uma boia de salvamento que vai ao encontro de uma das recomendações sugerida pela International Life Saving (ILS): desenvolver as melhores práticas na prevenção do afogamento, salvamento aquático e cuidados de emergência. A apresentação e a defesa do projeto, foi protagonizada com todo o mérito por três jovens empreendedores do 12.º ano do Curso Profissional de Gestão, Agostinho Silva, Inês Cruz e Maria Castillo.
A Câmara Municipal de Estarreja tem tido uma influência primordial na educação para o empreendedorismo, desenhando a nível local uma intervenção educativa forte, conjuntamente com a sua parceira, Agrupamento de Escolas de Estarreja/ Núcleo de Empreendedorismo na promoção e desenvolvimento de competências empreendedoras junto dos jovens alunos, capacitando-os para assumirem o seu papel na sociedade enquanto agentes de mudança.
E assim se vai fazendo a história do empreendedorismo educacional em Estarreja … “ousar e construir para ganhar o futuro”.

A imagem pode conter: 6 pessoas, incluindo Agostinho Silva e Maria Almeida, pessoas a sorrir, pessoas em pé e interiores
A imagem pode conter: 9 pessoas, incluindo Agostinho Silva e Maria Almeida, pessoas a sorrir, pessoas em pé
A imagem pode conter: 7 pessoas, incluindo Agostinho Silva, Rosário Santos, Cristina Rodrigues Ribeiro e Hilario Matos, pessoas a sorrir, pessoas em pé
A imagem pode conter: céu e ar livre

UNIVERSIDADE DE AVEIRO EM 1.º LUGAR A NÍVEL NACIONAL NO WORLD UNIVERSITY RANKINGS

UA_636928410798476917

“A Universidade de Aveiro (UA) subiu de 4.º para o 1.º lugar, a nível nacional, no World University Rankings, publicado pelo RUR – Round University Ranking, de Moscovo. A academia aveirense conquistou a liderança, neste ranking, a nível nacional, em duas das quatro áreas estabelecidas como critério, nomeadamente no Ensino e na Sustentabilidade Financeira (posição mantida há duas edições consecutivas nesta segunda área). 
Em 2019, foram hierarquizadas 820 instituições de ensino superior de todo o mundo, sete das quais portuguesas, tendo em conta 20 indicadores agrupados em quatro áreas da vida universitária (o ensino, investigação, diversidade internacional e sustentabilidade financeira). 
Os resultados da Universidade de Aveiro não melhoraram apenas a nível nacional. No ranking mundial, este estabelecimento de ensino superior também conseguiu aprimorar a sua posição subindo do lugar 359, conquistado em 2018, para o 219.”

Fonte: http://www.vagosfm.com/noticias

“O Galinheiro Conectado” – Workshop sobre a aplicação de inteligência artificial

IMG_2021

A convite da Câmara Municipal de Estarreja, os alunos do 10.º I do Curso Profissional de Gestão participaram no Workshop sobre a aplicação de inteligência artificial “O Galinheiro Conectado”- atividade que decorreu na Biblioteca Municipal no dia 7 de maio pelas 11horas.
Segundo o autor do Projeto, Luís Miguel Girão , artista e representante da UE, o objetivo deste workshop é “ ensinar a todas as pessoas a criar um galinheiro muito especial! Ele é conduzido pelas suas galinhas, que dessa forma limpam e fertilizam o seu campo, deixando-o preparado para as suas plantações! O Galinheiro Conectado é uma aplicação de inteligência artificial no campo da Internet das Coisas. A análise e a previsão de movimentos das suas galinhas dirigem o galinheiro no seu campo de cultivo. Sendo um produto inovador no campo da permacultura, o Galinheiro Conectado encontra-se num meio termo entre a criação livre de galinhas e a produção industrial. “The Connected Hennery inspira-se também na criação literária de Orwell. Revisitando a ideia de que a arte pode influenciar significativamente a vida, o Galinheiro Conectado, apresenta-se como um modelo transitório para uma outra organização socioeconómica de base tecnológica.”
Como convidados especiais neste evento estiveram presentes o Sr. presidente da Câmara Municipal de Estarreja, Dr. Diamantino Sabina, o representante do Grupo Lusiaves – Renato Miguel Prata dos Santos e da SONAE Marlos Silva que, num debate informal, moderado por Luís Miguel Girão refletiram acerca da Internet das Coisas e as cadeias de produção de alimentos.
Foram lançadas igualmente algumas questões pertinentes: Será que a Inteligência Artificial substituirá grande parte da força de trabalho? Ou será que a Inteligência Artificial gerará novos empregos?
Independentemente da opiniões, o que é certo é a Inteligência Artificial está a ganhar fortes impulsos dentro das empresas e com a ajuda das tecnologias, as empresas e os mercados avançam a um ritmo jamais visto na história da humanidade.
Conforme referiu a Srª Vereadora da Cultura e Turismo da Câmara Municipal de Estarreja, Isabel Simões Pinto, atividades deste género só fazem sentido se a Ciência e Tecnologia tiverem como parceiros as empresas, os órgãos de soberania e os Centros de Educação.
Os alunos do 10º I estão de parabéns pela sua postu

ra de interesse e atenção demonstrados, tendo esta atividade contribuído para o seu enriquecimento pessoal e profissional.

Texto: Prof.ra Paula Cerca
Fotos: De alunos… 

 

Educação empreendedora pode mudar a forma de encarar o mundo e resolver problemas!

No mundo atual, é preciso saber trabalhar em grupo, ter liderança, dialogar, negociar num momento de conflito, perceber uma oportunidade de visualizar alguma coisa, analisar uma situação. Muito disso,  não aprende na escola tradicional.

Felipe Matos, empreendedor

 Fonte: https://www.correiobraziliense.com.br/

 

Concurso Desafio Empreende/EDU CAIXA – Barcelona | Final 11/05/2019 – Secundária de Estarreja

WhatsApp Image 2019-05-11 at 13.38.32
Uma arrebatadora apresentação/defesa na língua inglesa do projeto NEPTUNO SPEAKER no imponente auditório do Campus de Barcelona, foi, hoje, protagonizada pelos três empreendedores, Agostinho Silva, Inês Cruz e Maria Almeida alunos da Escola Secundária de Estarreja, 12.º ano Curso Profissional Técnico de Gestão. Competência, empenho, entusiasmo e alegria contagiante, são talvez as melhores palavras que descrevem cada um de vós. O caminho pode ter sido difícil, algumas vezes até demais. Mas todos souberam manter a confiança e nunca desistiram ou afastaram o olhar da meta.

Um agradecimento muito sentido à equipa de trabalho que com os alunos trabalharam afincadamente em diversas áreas do domínio técnico-científico. Nuno Branco (coord. projeto), Paulo Almeida, Cristina Rodrigues Ribeiro, Glória Reverendo e Adélia Felgueiras, equipa fantástica, e quero que saibam que foi uma honra trabalhar com um grupo tão extraordinário quanto este. Ao dividirmos o trabalho multiplicamos as possibilidades de triunfo.

Os parceiros de excelência, Câmara Municipal de Estarreja e ESTGA-UA, recebam o meu mais sincero agradecimento e o desejo de que continuem connosco nesta caminhada empreendedora rumo a novos sucessos.

Palavra de grande apreço, de reconhecimento e de agradecimento à Direção do Agrupamento de Escolas de Estarreja, pela colaboração, incentivo e apoio sempre facultado nesta ação empreendedora.

Ainda, nesta onda de agradecimentos, quero salientar o trabalho colaborativo dos Serviços Administrativos da Secundária da Estarreja e das assistentes operacionais, Paula Cristina Faria Tavares,  Maria Ferreira e Maria Aida.

Certamente inesquecível, o jingle realizado pela Rádio Voz da Ria. Marcante e tocante. Um agradecimento especial ao João e à Carla.

Como os últimos são os primeiros, não podia deixar de reconhecer e agradecer à Fundação La Caixa e à organização do Concurso “Desafio Empreende” o trabalho extremamente profissional neste arrojado concurso. Aos mentores pelo carinho, conhecimentos transmitidos e expressivo incentivo que dedicaram à equipa Neptuno Speaker. Expresso apreço e agradecimento ao Enric, Mar de José e Núria Peig, pela disponibilidade demonstrada no apoio e esclarecimento de dúvidas.

Nota: A decisão final do júri será conhecida apenas no final do  mês de maio …

Bem hajam por tudo!

Rosário Santos 

 

Concurso Desafio Empreende/EDU CAIXA – Barcelona | Final – Secundária de Estarreja

Atividades de mentoria no Campus de Barcelona com a nossa equipa Neptuno Speaker a participar ativamente.

59987425_2314959755491076_828705942534094848_o