OLÁ!

As dinamizadoras deste blog, saúdam os visitantes deste seu novo espaço de diálogo, opinião, aprendizagem e divulgação… 

Voltem sempre para consultar e comentar as nossas novas actividades e novidades…!

Continuar a ler

FELIZ PÁSCOA 2017

Um doce SORRISO, uma doce ALEGRIA e uma doce ESPERANÇA de um mundo com mais PAZ.

13580573_1099940750045117_6896978862773097889_o

ERASMUS + | Agrupamento de Escolas de Estarreja – Abril/Maio de 2017

Doze alunos do Agrupamento de Escolas de Estarreja integrados no programa ERASMUS + (Estágios Internacionais), vão iniciar a sua formação em contexto de trabalho na cidade  de Londres e na cidade de Sevilha. Às minhas alunas do 12.º ano do Curso Profissional Técnico de Gestão, Andreia Mané, Carla Barros, Marcela Correia e Soraia Santos, bem como aos restantes jovens, desejo uma ótima estadia no Reino Unido e em Espanha e que possam ter um desempenho exemplar na realização do estágio curricular.  

17834819_10209398860184827_3792202731446249213_o17861982_1303801233035446_7010606736731524923_n

Divulgação do Curso Profissional Técnico de Gestão – Escola Secundária Estarreja

Não podia deixar de dar uma palavra de sincero agradecimento às minhas alunas,Andreia Filipa e Beatriz Rodrigues que me assessoraram na divulgação do Curso Profissional Técnico de Gestão durante os dois dias em que aconteceu a X Feira da Juventude. Demonstraram profissionalismo, dedicação e sentido de responsabilidade.
As futuras GESTORAS!

X Feira da Juventude – Secundária de Estarreja

X Feira da Juventude, Formação e Proteção Civil ocorreu nos dias 3 e 4 de abril na Escola Secundária de Estarreja (Sede de Agrupamento), acontecendo alegria, entretenimento e formação. Mais uma vez o Curso Profissional Técnico de Gestão (11.º H e 12.º H) deu o mote ao dinamizar um mini-negócio, “GESTÃO NA BRASA, Lda.”, em parceria com alguns alunos do Curso Profissional Técnico de Marketing (12,º M), com o intuito de angariação de fundos para a Associação de Solidariedade Estarrejense. O “know-how” e o “know-business” obrigam a um conhecimento sustentado de valores e competências, que quando colocados em prática tornam-se numa prática diferenciadora e distintiva.
Um agradecimento especial a todos os que contribuiram para o sucesso desta atividade:
– … aos alunos e encarregados de educação pelo excelente exemplo de colaboração, generosidade, disponibilidade, por todo o apoio prestado, pois foram bolos, salgadinhos, sopas, mesa de matraquilhos, fardos de palha para decoração, transporte, etc. etc.
– … à Câmara Municipal de Estarreja por terem disponibilizado as barraquinhas, fizeram toda a diferença.
– … à Mel Editores e empresa Aveicellular Comunicações e Acessórios Lda., pelos excelentes prémios ofertados, patrocinadores cinco estrelas.
– … ao colega Samuel Pereira por ter feito, nas oficinas da Mecânica, em tão pouco tempo e com os seus alunos, um grelhador.
– … aos colegas de grupo pelo apoio prestado no desenvolvimento da atividade.
– … a toda a comunidade escolar por terem aderido à iniciativa.
– … e como os últimos também são os primeiros, ao colega João Joana o grande organizador e obreiro desta atividade, bem hajas por tudo.

Workshop – “Soft Skills Training

unnamed

No passado dia 27 de março na Escola Secundária de Estarreja, realizou-se o Workshop, “Soft Skills Training”, alicerçado na aquisição de competências pessoais, onde estiveram presentes duas turmas do Ensino Profissional, 12.º H – Técnico de Gestão e 12.º M – Técnico de Marketing.

Esta iniciativa, promovida pela ESTGA-UA (Escola Superior e Tecnologia de Águeda, polo da Universidade de Aveiro) em ligação com o Núcleo de Empreendedorismo do Agrupamento, contou com a intervenção de dois oradores, a Dr.ª Sónia Estrela e Dr. Humberto Ribeiro, formadores de excelente qualidade, que nas suas áreas de especialidade permitiram-se preparar os alunos para cumprir o seu potencial no mundo do trabalho, promovendo a interação pessoal e a valorização das relações. Todos os jovens participantes foram desafiados a atuar numa nova visão de superação individual, através de uma apresentação pessoal/profissional em 2 minutos (Marketing Pessoal), tendo sido testada a capacidade de autopromoção de cada aluno.

Seguem-se mais dois Workshops, uma para alunos do Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, “Tecnologia no futuro”, e outra para a turma do 12.º Ano do Técnico de Produção em Metalomecânica (tema a definir).

 

Portugal vence World Photo Cup no Japão |Entre melhores fotógrafos de 26 países | 2017

11111

“A equipa de fotógrafos portugueses que esta semana participou no Japão na World Photographic Cup (WPC) 2017 foi a vencedora dessa competição internacional, também disputada por outras 25 seleções de profissionais de imagem. Funcionando como um campeonato do mundo em que os fotógrafos propostos por cada país concorrem individualmente a várias categorias de imagem, e contribuem depois com os seus resultados pessoais para a classificação coletiva da seleção que representam, o evento volta assim a distinguir Portugal com o 1.º lugar da tabela, que já venceu no ano passado.

«Parabéns à equipa de Portugal por ganhar o WPC duas vezes seguidas», declara, no site do evento, o presidente do júri, Jorgen Brandt, referindo que a quarta edição do campeonato foi “uma competição incrivelmente renhida”.

Fonte: Observador.pt

Economia Circular

O que é a Economia Circular?

O conceito de economia circular constitui uma resposta ao desejo de um crescimento sustentável no contexto da pressão crescente que a produção e o consumo exercem sobre o ambiente e os recursos mundiais. Até à data, a economia tem funcionado sobretudo com base num modelo linear de «recolha, produção e eliminação», segundo o qual todos os produtos alcançarão inevitavelmente o seu «fim de vida útil».

Na UE, cada pessoa utiliza cerca de 15 toneladas de materiais por ano, enquanto cada cidadão da UE gera anualmente, em média, mais de 4,5 toneladas de resíduos, sendo quase metade destes depositada em aterros. A economia linear, que depende exclusivamente da extração de recursos, deixou de ser uma opção viável.

A transição para uma economia circular redireciona o foco para a reutilização, reparação, renovação e reciclagem dos materiais e produtos existentes. O que era visto como «resíduo» pode ser transformado num recurso.