XI Feira da Juventude, Formação e Proteção Civil – Estarreja

O CURSO PROFISSIONAL TÉCNICO DE GESTÃO, mais uma vez, teve uma presença bem marcante na XI Feira da Juventude, Formação e Proteção Civil, com os alunos a dinamizarem um mini-negócio, “Gestão na Brasa, Lda.”, com o intuito de angariação de fundos para o “Projeto Amélia”, em sintonia na finalidade solidária com outras ações levadas a cabo pelo grupo de Inglês da nossa Escola.
Através deste tipo de desafios, proporcionamos aos alunos o fortalecimento das suas competências técnicas (hard skills) e transversais (soft skills), muito valorizadas pelo mercado de trabalho.

Nota: Esta Feira teve lugar  na Escola Secundária de Estarreja, nos dias 22 e 23 de março.

 

Anúncios

OPJ Estarreja – 2018

Hoje, no Cineteatro de Estarreja, os alunos da Escola Secundária de Estarreja participaram na edição do Orçamento Participativo Jovem 2018, em plenário, apresentando três propostas de âmbito escolar, pautadas pela qualidade das apresentações, pertinência e exequibilidade técnica/económica das soluções apresentadas.
 – Área aoKUBO – Espaço para a Associação de Estudantes
Curso Profissional Técnico de Produção de Metalomecânica: 
    • Bruno Barbosa e Paulo Tavares- 12.ºG
Curso Profissional Técnico de Gestão:
• Daniela Silva e Ana Sousa- 12.ºH

– ScreenESE – Ecrã Digital Escolar Gigante
Curso Profissional Técnico de Gestão: 
   • Marta Cruz – 12.º H
Curso Profissional Técnico de Produção em Metalomecânica:
  • Alexandre Dias, Henrique Lopes e Pedro Silva – 12.º G

– + Biblioteca – Mais e melhor equipamento para a biblioteca da Escola Secundária de Estarreja
Curso Profissional Técnico de Gestão:
   • Ana Conceição, Cristiana Oliveira, Francisca Moutela e Pedro Alegria – 12.ºH

20180320_10212520180320_10270520180320_103046

29389429_2014107265576328_1235627621830132390_n29425876_2014107272242994_6550931977192609258_n29496076_2014107268909661_2582576188888259326_n

Escola Secundária de Estarreja marca presença na QU@LIFICA 2018

“Love the Planet” foi o lema escolhido para a 11.ª edição da Qualifica, Feira de Educação, Formação, Juventude e Emprego, que decorre até ao próximo domingo, dia 4, na Exponor, em Matosinhos. A Escola Secundária de Estarreja volta a marcar presença com três turmas do 12.º ano a visitar o certame, Técnico de Gestão, Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos e Técnico de Produção em Metalomecânica. 
Os nossos alunos tiveram a oportunidade de entrar em contacto com as ofertas académicas nacionais (universidades e politécnicos), conhecer oportunidades para estudar no estrangeiro, participar em jogos, concursos, assistir a desfiles, entre outras atividades. 
Estou certa, que a grande diversidade de expositores ajudou a despertar nos alunos a necessidade de tomarem decisões quanto ao seu futuro académico ou laboral.

A Universidade de Aveiro (UA) integra um novo consórcio no âmbito da MEDICINA REGENERATIVA

Mais uma boa notícia, esta também no âmbito da MEDICINA REGENERATIVA.
A Universidade de Aveiro (UA) integra um novo consórcio para a criação, até 2024, de um Centro de Investigação em Medicina Regenerativa e de Precisão em Portugal, que garantiu um financiamento de 15 milhões de euros da União Europeia.
Fonte: Jornal Diário de Aveiro, 12/02/2018

27655505_1991588244494897_7928268127378409995_n

Inovação ao serviço da SAÚDE – Empresa de Ovar | Imprimir osso à medida

BOAS NOTÍCIAS – A inovação ao serviço da saúde.
Uma empresa biomédica de Ovar chamou vários parceiros para desenvolverem enxertos de osso, malhas e implantes que podem ser desenhados à medida e imprimidos em 3D.

27750837_1991573714496350_3738201931864155921_n

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ESTARREJA é notícia na Revista Visão – N.º 1301 |8/02 a 14/02/2018

A Escola Secundária de Estarreja destaca-se pela qualidade da educação, e mais especificamente no quadro de uma experiência pedagógica lançada pelo Ministério da Educação neste ano letivo, Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular, “claramente tradutora de uma ação suportada no compromisso, na competência e no rigor” sublinha o Diretor do Agrupamento, Jorge Ventura.

Faço notar, que para além do 10.º ano do Ensino Secundário, o Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular decorre como experiência pedagógica em todas as escolas do Agrupamento de Escolas de Estarreja, com os anos iniciais do 1.º, 5.º e 7.º a envolverem-se também, com todo o mérito em projetos interdisciplinares, bem interessantes.

27908064_1989442004709521_2992836979949317257_o

27750554_1989441974709524_882894694610989811_n

Energia solar de próxima geração – Painéis solares orgânicos

estacionamento_energia_solar_carport_sunew_aes

“Estacionar o carro já é uma dor de cabeça para muitos. Imagine acrescentar a isso a necessidade de carregar esse veículo por um tempo considerável, já que ele é movido a energia elétrica. Pensando nisso, a CSEM Brasil, em parceria com a multinacional de energia AES, desenvolveu uma solução prática e extremamente sustentável: o projeto Carport. A ideia é que o produto seja facilmente integrável às cidades, utilizando energia solar de baixo custo e com a menor pegada de carbono possível.

Estima-se que, em 2025, os automóveis elétricos representem 15% do mercado mundial – dado três vezes maior do que as previsões de crescimento anteriores. O salto seria grande: hoje os carros elétricos são apenas 0,86% do mercado. No entanto, essa tendência vai na onda de uma necessidade: não há outro futuro possível, a não ser o sustentável.”

“Estacionamentos solares já existem hoje (veja aqui), mas com a tecnologia dos painéis tradicionais. Agora, a inovação dos painéis solares orgânicos (OPV – Organic Photovoltaic), desenvolvidos pelo CSEM Brasil e levados ao mercado pela spin-off Sunew, trazem mais praticidade, menor custo e mais possibilidades de design. Como as tecnologias tradicionais possuem um material muito pesado – cerca de 20kg por m² – a estrutura de um estacionamento com painéis tradicionais precisa ser muito mais robusta, aumentando os custos de produção, e instalação e dificultando sua popularização.

Já o OPV pesa apenas 400g/m², além de ser flexível e transparente, abrindo espaço para um design futurista e atrativo. Tudo isso com uma produção que utiliza materiais orgânicos a baixas temperaturas, o que caracteriza os painéis de OPV como a energia solar com menor impacto ambiental existente.”

“Um Carport vai gerar energia com muito mais facilidade de instalação. Nosso target é um estacionamento futurístico, barato e prático – que você poderia comprar, por exemplo, na Leroy Merlin, levar para a casa e instalar onde desejasse”, esclarece Vilaça.

Fonte: Ciclo Vivo