Microsoft – Empresa mais atrativa do mundo para trabalhar

Capturar.J111PG

A Microsoft acaba de ser distinguida com o Global Randstad Award 2015, sendo a multinacional reconhecida como a empresa mais atrativa do mundo para trabalhar. Esta já é 15ª edição daquela que é considerada a maior pesquisa independente de employer branding do mundo, realizada em 23 países e identificando os empregadores mais atraentes entre milhares de empresas.

No estudo realizado pela Randstad, 67,8% dos entrevistados indicaram que gostariam de trabalhar para a Microsoft, seguida da Sony e Samsung. O setor de Tecnologias de Informação é considerado o mais popular, com 56,3%, para os candidatos a potenciais empregos.

Segundo Jacques van der Broek, diretor executivo da Randstad, “pela primeira vez em 15 anos de história do Global Randstad Award, o vencedor do prémio ficou em primeiro lugar em todas as escolhas de melhor empregador e que contam para esta decisão. Isso é bastante notável, considerando a concorrência feroz dos empregadores em encontrar e reter talentos, principalmente no caso dos profissionais de Tecnologias de Informação”.

O Global Randstad Award é um estudo independente realizado pela empresa de estudos de mercado ICMA para a Randstad e mete a perceção de cerca de 225 mil pessoas acerca das empresas empregadoras. Realizado em 23 países, o estudo entrevista 7 mil profissionais e candidatos a uma oportunidade de emprego, entre os 18 e 65 anos, convidando-os a identificar entre as 150 maiores empresas do país para as quais gostariam de trabalhar.

Fonte: Imagens de Marca

Picar o Ponto – Informações sobre o mercado de trabalho

Picar o Ponto é um site dedicado a disponibilizar informações relativas ao mercado de trabalho. Num período pós-férias, tenha acesso a inúmeras informações sobre como se comportar no dia-a-dia  no local de trabalho ou a melhor maneira de lidar com o desemprego.

 Deixo aqui a indicação de alguns temas abordados neste portal:

Melhores empresas para trabalhar em Portugal – 2010

Remax, Urbanos e Safira são as grandes campeãs do estudo da Exame/Heidrick & Struggles, que distingue as empresas com melhores práticas de RH e cujos empregados estão mais satisfeitos.

Melhores comissões e forte motivação valeram à Remax o primeiro lugar no pódio. A rede imobiliária é a grande vencedora  deste estudo, que este ano conta com 85 empresas, o maior ranking de sempre.

Urbanos e Safira são também campeãs nas categorias de média e pequenas e micro-empresas, respectivamente. É o primeiro ano em que há três categorias neste estudo: grandes, médias e pequenas e micro empresas – segundo o número de colaboradores e volume de facturação – o que permite uma melhor comparação entre diferentes universos.

No global, as Melhores Empresas para Trabalhar em Portugal têm um índice de satisfação consolidado superior a 60%, o que revela que ainda há pessoas satisfeitas nas suas organizações, apesar da crise, e sobretudo que ainda há empresas que apostam na cultura de motivação e valorização dos recursos humanos.

 

Vencedoras

Categoria: Grandes empresas

1 – RE/MAX – (sobe do segundo para o primeiro lugar. Esteve em segundo lugar em 2007, 2008 e 2009) Alcança uma nota final de 85,49%

2 – Microsoft (cai de primeiro para segundo lugar)

3 – Liberty Seguros (entrada directa)

4 – Conduril (entrada directa)

5 – Grupo Lena (mantém o quinto lugar)

Categoria: Médias empresas

1 – Urbanos (sobe do quarto para o primeiro lugar)

2 – Ramos Catarino (sobe do 10.º para o segundo lugar)

3 – Hotel Ritz Four Seasons Lisboa (entrada directa)

4 – TNT (sobe do 16.º lugar para o quarto lugar)

5 –  Abreu & Associados (sobe do nono para o quinto lugar)

 Nova categoria: Pequenas e micro empresas

 1. Safira

2.  AMT- Consulting

3. Hiscox Insurance Company

4. Balonas e Menano

5. Aquapura Hotels Villas SPA

Fontes: Exame.pt e Visão.pt

Motivar os trabalhadores… as 5 regras

84473644

Nuno Carvalho é um jovem empreendedor, que aprendeu bastante com uma experiência de trabalho em Espanha, numa multinacional norueguesa até que teve uma grande ideia e decidiu começar a sua própria empresa em Portugal.

Muitas vezes, preocupo-me em almoçar com eles para que possa ter uma conversa relaxada e informal entendendo tudo o que se passa nas suas cabeças a nível pessoal e profissional. Faço questão de fazer parte da família e não de ser o chefe mais temido.”

Nuno explica, então, como 5 regras simples podem tornar as pessoas que com ele trabalham muito mais felizes.

Regra 1: Deve motivar os seus trabalhadores, todos os dias, com pequenas acções. Muitas vezes basta um elogio, uma palmadinha nas costas, ou um obrigado. Não custa nada e motiva o colaborador.
Regra 2: Deve traçar um plano de carreira para cada colaborador. Não deixe que o seu trabalho seja sempre o mesmo sem qualquer objectivo. Tem de existir um caminho com princípio, meio e fim.
Regra 3: Remunerar com valores fixos e variáveis. O colaborador deve sentir que o seu performance não só beneficia economicamente a empresa como também o seu vencimento. É importante que o variável seja reflectido de imediato no vencimento para que o trabalhador acredite nele. Um variável anual não é motivador.
Regra 4: Saiba o que se passa na vida pessoal dos seus trabalhadores. Planeie almoços regulares, e individuais com cada trabalhador para saber se estão emocionalmente estáveis e profissionalmente contentes. Um trabalhador com problemas pessoais diminui acentuadamente a sua produtividade. Não custa nada entender a sua situação e motiva-lo para que se sinta bem no seu posto de trabalho.
Regra 5: Profissionalize e motive os seus colaboradores para justificar vencimentos acima da média. Um colaborador motivado, com formação adequada, e que sinta que a empresa investe em si, pode valer por dois ou três. Mais vale pagar bem a um, que pagar mal a dois. Isto resolve um dos problemas do trabalho precário e aumenta o poder económico.

Leia a notícia completa no Jornal de Negócios Online