A ESCOLA SECUNDÁRIA DE ESTARREJA é finalista, Prémio Fundação Ilídio Pinho Ciência na Escola, 13.ª Edição

 

13413720_1641451806175211_5703400314751046027_nNo âmbito da 13.ª edição do Concurso Ciência na Escola da Fundação Ilídio Pinho e dos Ministérios da Educação e Economia, subordinada, este ano, ao tema “A ciência e a tecnologia ao serviço de um mundo melhor”, o projeto “KIT AMBIENTAL – EKOTREE”  representará a nossa Escola na MOSTRA NACIONAL, Lisboa.
Confira aqui os selecionados:
http://www.dgeste.mec.pt/…/resultados/FIP_Resultados_100.pdf

13413102_1641658639487861_2101484846021073103_n

13450899_1641450919508633_3905311026461681190_n

Feira Vocacional e Profissional da Região de Aveiro

Feira Aveiro.png

O Agrupamento de Escolas de Estarreja em destaque na Feira Vocacional e Profissional da Região de Aveiro (27 e 28 de maio de 2016 no Parque de Feiras da cidade de Aveiro).

Grande interesse demonstrado pela comitiva da Câmara Municipal de Aveiro (Dr.ª Raquel Castro Madureira e Dr. Miguel Capão Filipe) pelo stand do Agrupamento de Escolas de Estarreja. Máquina denominada de “Engenho de publicidade dinâmica”,  idealizada e construída pelos alunos do C. Prof. Técnico de Produção em Metalomecânica, causou ampla sensação!

A iluminação criativa de escadas, protótipo executado pelos alunos do C. Prof. de Eletrotecnia, exposto no stand do Agrupamento. Bem interessante, suscitou grande interesse.

Continuar a ler

Concurso – Poetas procuram-se

Poetas Procuram-se !
Capturar

Poesiafaclube 

Procuramos os melhores poemas e poetas portugueses para a nossa Antologia.Inscrições até ao dia 12 de Junho de 2016.

Para concorrer:
1) Faça um gosto à nossa página.
2) Faça um gosto e uma partilha a este post.
3) Envie-os um email para info@poesiafaclube.com com o seu nome,email, morada,idade, profissão.Envie-nos em anexo ao email: 3 poemas da sua autoria, uma fotografia sua e uma pequena biografia.

_________________________________

Para Concorrer envie-os um email para info@poesiafaclube.com com o seu nome,email, morada,idade, profissão.
Envie-nos em anexo ao email: 3 poemas da sua autoria, uma fotografia sua e uma pequena biografia

  Mais informações:

Semana do Empreendedorismo de Estarreja

«Inspira-te» foi a denominação escolhida para a Semana do Empreendedorismo de Estarreja, que teve a sua primeira edição entre 25 a 30 de abril no antigo Colégio de Estarreja. Agora denominado Ciclo Criativo, o espaço acolhe a Incubadora de Empresas e o Gabinete de Inserção Profissional de Estarreja.

Ciclo Criativo pretende constituir-se como um recurso dinâmico ao serviço da comunidade, através de novos espaços como o Laboratório de Empreendedorismo Jovem | Sala Dow Portugal, o Lounge ou o espaço de Coworking.

Fonte: http://www.iera.pt/agenda/inspira-te-2016-semana-do-empreendedorismo-de-estarreja/

 

Talheres comestíveis para reduzir quantidade de plástico

talheres_a

“Os cidadãos indianos atiram para o lixo cerca de 120 mil milhões de talheres de plástico por ano, um número escandaloso para o ambiente e que levou Narayana Peesapaty a desenvolver um conjunto de talheres a partir de painço, arroz e trigo – ou seja, são comestíveis. Caso os talheres não sejam ingeridos, eles são biodegradáveis e em pouco tempo desaparecem da face da terra.

Através da marca Bakeys, Peesapaty já vendeu 1,5 milhões de talheres comestíveis, tendo lançado uma campanha no site de financiamento colectivo Kickstarter para expandir a marca para outros locais do Planeta. A campanha foi um sucesso e angariou seis vezes mais do que o valor inicial pedido – €18.000 –, numa altura em que ainda faltam 18 dias para terminar o financiamento.

Os utensílios da Bakeys podem durar até 20 minutos quando em contacto com líquidos quentes, como sopa, e têm sabores: gengibre-canela, gengibre-alho, cominhos, pimenta-preta, menta-gengibre, aipo e cenoura-beterraba.

A marca fabrica também talheres sem sabores para clientes comerciais, sendo que, nas prateleiras dos supermercados ou nos armazéns, os talheres têm um ciclo de vida de dois anos. Até agora, a Bakeys só produziu colheres, no entanto, elas são livres de organismos geneticamente modificados (OGM) e 100% vegan.

Com o dinheiro angariado pelo Kickstarter, avança o Inhabitat, Peesapaty vai expandir as operações e aumentar a produção. A empresa está a ultimar o lançamento de uma fábrica que poderá criar 800.000 talheres comestíveis por dia e começar a desenvolver outros utensílios – facas e garfos.

Com um investimento de apenas €9, no Kickstarter, a Bakeys vai entregar 100 colheres comestíveis. Uma invenção que pode – verdadeiramente – revolucionar a forma como olhamos para os talheres de plástico ou bambu. A curto ou médio prazo, nos países em desenvolvimento mas também no primeiro mundo.”

Fonte:Green Savers

Projeto INOVARRAIOLOS (Arraiolos de Nova Geração) da Escola Secundária de Estarreja – 1.º lugar na final regional da zona Centro do concurso INOVA 2015

Captujjjjjjjrar

O projeto INOVARRAIOLOS Lda. vencedor do I BOOTCAMP de Estarreja, ganhou hoje em Coimbra (auditório da DGEstE), o 1.º lugar na final regional do concurso INOVA 2015 – Jovens Criativos, Empreendedores para o Século XXI. na categoria de NEGÓCIO. As promotoras do projeto irão representar a Escola Secundária de Estarreja (Sede de Agrupamento) e a região Centro na grande final em Lisboa no dia 5 de junho. Parabéns às alunas Sara Oliveira e Isabel Silva do 12.º H do Curso Profissional Técnico de Gestão.

Ideias inovadoras – Reciclagem de garrafas de plástico

ARTISTA TRANSFORMA GARRAFAS DE PLÁSTICO EM ESCULTURAS DE ANIMAIS E PLANTAS

Veronika Richterová é uma artista plástica checa, empreendedora, que cria esculturas de plantas e animais a partir de garrafas de plástico. As esculturas são tão coloridas e bonitas que à primeira vista é difícil acreditar que são feitas do mesmo plástico que milhares de pessoas atiram para o lixo.

As esculturas, que já atingem centenas, dão uma nova vida a garrafas de plástico que a artista recolhe um pouco por todo o mundo. A colecção, chamada PET-ART, engloba vários tipos de fauna e flora, desde cactos a pinguins.

No início, Veronika Richterová não contemplava os seus trabalhos em nenhum tipo de agenda ambiental, como escreve o Inhabitat. Richterová começou a trabalhar com garrafas em 2004 depois de descobrir que estes objectos podiam ser facilmente manipulados e deformados com calor, sem saber que mais tarde o trabalho com plástico se tornaria numa “obsessão por muitos anos”, como indica. Mais de uma década volvida, a artista coleccionou mais de 3.000 garrafas de plástico de 76 países diferentes que transformou em bonitas esculturas.

foto_1

yyyy

Concurso Jovem Empreendedor Estarreja 2015: I Bootcamp e III Seminário

bootcamp

 

 Faça aqui o download:

 FICHA DE INSCRIÇÃO

 REGULAMENTO BOOTCAMP – 2015

Cartaz BootCamp + Seminário A3

Ser criativo – “História de Portugal” vídeo de alunos

No seguimento do último post….

A escola pode e deve estimular a criatividade promovendo uma aprendizagem construtiva, onde utilize critérios que valorizem a expressividade e originalidade recorrendo ao conhecimento de diversos domínios.

Deixo-vos com um bom exemplo daquilo que pode ser feito em ambiente escolar. Os alunos do 12.º N do Curso Profissional Técnico de MarKeting da minha escola no ano letivo 2013/2014, e por sinal meus alunos, realizaram um vídeo denominado de “História de Portugal” no âmbito da disciplina de Área de Integração lecionada pela professora Deolinda Tavares.

Concurso “ESE Talento em Movimento” – Final (cont.)

Aprecie os bons momentos do concurso visionando o vídeo… entrevista ao  vencedor, Miguel Seara, vereador da Cultura da CME e Diretor da ESE. 

 

Concurso “ESE Talento em Movimento” – Final (cont.)

A afirmação e o sucesso de um concurso passa pela escolha do júri. Este não foi exceção, composto por quatro profissionais e especialistas de relevo nas áreas a concurso.

PAULO NEVES

É natural de Viseu, é professor da ESE. Estudou acordeão e violino desde os 5 anos. Mais tarde, fez o curso de guitarra clássica no Conservatório Regional de Música de Viseu. Ensinou música a centenas de crianças e adolescentes e continua ligado à educação musical. Integrou um grupo musical de baile, uma orquestra de música ligeira, integrou a tocata do rancho folclórico de Torredeita. É sócio fundador da Zunzum – Associação Cultural. Atualmente, toca num grupo de fados e é ensaiador de um grupo de cavaquinhos. Realizou diversas formações em teatro, tendo participado em várias peças, incluindo teatro de rua.

 SUZANA ROSAS

 Tem licenciatura em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista (Sociologia e Antropologia) e pós-graduação em Antropologia Social e Cultural pela Universidade de Coimbra. É professora de ballet clássico. Trabalhou como bailarina e como professora desta arte em várias escola e companhias de dança profissionais no Brasil, durante 12 anos. Foi também como bailarina que trabalhou na Companhia de Dança e Aveiro  e, nesta cidade, é atualmente docente de ballet clássico.

 ALZIRA da ROSA

 É professora de Português na ESE. Tem pós-graduação em Literatura Portuguesa, pela Universidade de Coimbra. Tem formação de pintura, que frequentou na Fundação Gulbenkian. Dedica-se à escrita – e ao ensino! – de poesia, que integra no seu quotidiano. Desenvolve, de forma autodidata, técnicas de pintura e de desenho.

 PEDRO FIGUEIRA

Natural de Aveiro, foi nesta cidade que efetuou os seus estudos musicais, no Conservatório de Música de Aveiro de Calouste Gulbenkian e posteriormente na Universidade de Aveiro, onde se licenciou em Ensino de Música, variante de Técnica vocal/ Canto, na classe do Professor Doutor António Gabriel Salgado. Prosseguiu os seus estudos vocais em Londres, com Laura Sarti, com quem continua a estudar. Atualmente, é membro do ensemble Coro Casa da Música, no Porto, onde se apresenta a solo e em coro com os diversos agrupamentos da Casa da Música e com os maestros Paul Hillier, Laurance Cummings, Christoph König, Peter Rundel, entre outros. Frequentou o Function of Singing Voice 2008, organizado pela Universidade de UpSala (na Suécia), onde trabalhou na área do canto não clássico, contactando aí com figuras de renome internacional. Frequentou workshops/seminários em Londres sobre “musical theater voice”, “twang”, “belting”.

 

Concurso “ESE Talento em Movimento” – Final

Aconteceu, ontem, na ESE, num espaço ao ar livre, qual anfiteatro grego, uma noite indiscutivelmente memorável feita de momentos inesquecíveis, protagonizada por jovens incomparavelmente talentosos.

 A Escola deve ser um espaço rico de possibilidades e significados para o desenvolvimento dos alunos em todos os campos, tomando destaque todas as linguagens artísticas e culturais.

 Quatro apresentadoras do 8º ano, Ana, Beatriz, Bárbara e Margarida, abriram o espetáculo com toda a força exigida pela ocasião, irradiando alegria, harmonia e profissionalismo.

Mais de duas horas de espetáculo numa sequência eletrizante, salpicada de efeitos especiais, dezoito jovens  alunos da ESE apresentaram-se perante um júri, no melhor das suas performances.

Grupo  “A Rusga”-  Com um projeto acústico tradicional, criado em 2012, por Fábio Pinho e Daniel Diaz, jovens de 18 e de 15 anos, respetivamente, utilizaram na sua atuação, instrumentos como o baixo, guitarras e percussão. Interpretaram um cover dos “Resistência” e originais seus.

http://www.youtube.com/watch?v=cc42Gac6mbU

 

Carolina Moutela –  Com formação em órgão, flauta e trompa de harmonia, seu instrumento preferido, interpretou a canção “Vício”, de Ivo Cruz, e “Porquê”, de Marta Ferreira. Selecionou, também a canção “Onde Deus te levar”. Integra atualmente as Orquestras Juvenil e Ligeira do Clube Cultural e Desportivo de Veiros. MENÇÃO HONROSA

 http://www.youtube.com/watch?v=SUQ7L6czkZ8

 

Miguel Seara – Jovem com  17 anos, tem o Beatbox  como uma das suas paixões. Amante do desporto é jogador de andebol, adora conversar, ouvir música, viajar e partilhar bons momentos com os amigos. Tem como objetivo maior SER FELIZ e procura que a boa disposição, sempre que possível, esteja presente na sua vida. – 1º LUGAR

 http://www.youtube.com/watch?v=Ws7b5UOsT1o

Daniela Pereira– Com 17 anos, uma das atividades que mais gosta de fazer, é desenhar, a forma mais completa de se expressar. Para além do desenho, da pintura, gosta de ouvir música, e é ao som de música, que desenha.

http://www.youtube.com/watch?v=A9UEhOxfHwE

Grupo “Nuwanda” – Grupo de jaz composto por 5 elementos,  Pedro Miguel Silva (guitarra elétrica), Bruno Pereira ( guitarra), Pedro Jorge Silva (saxofone alto), João Martins (trombone)  e Jonathan (bateria). Juntaram-se propositadamente para participar no concurso. Estes jovens músicos integram diferentes bandas e orquestras da região e frequentam o conservatório em Aveiro há alguns anos, onde têm aperfeiçoado o seu talento. Atuaram, reinterpretando a música “Watermellon Man”, de Herbie Hancock.

 http://www.youtube.com/watch?v=RUcBF5OjQrQ

 

Riane – Uma jovem com 14 anos, natural do Brasil tem a música no sangue. Desde sempre canta e gosta de karaok. Juntamente com amigos, tem uma banda e gostaria de apostar mais em temas originais. Interpretou as músicas “Jar of hearts” (Christina Perri) e “Someone like you” (Adele).  – 3º LUGAR

 http://www.youtube.com/watch?v=TUC6w_2KPXY

Renato Dias – Jovem irreverente que dançou” Tecktonik”, também chamada de Electro Dance, forma frenética e peculiar de dança de rua.

 http://www.youtube.com/watch?v=Aygv_i2r6RU

 

Catarina Rebimbas e o Pedro Silva –  Catarina com 16 anos, desde pequenina que tem contacto com a música. Estuda no Conservatório de Música de Aveiro (está no 2.º ano de Técnica Vocal). Já tocou órgão e saxofone alto. Quer seguir música, no futuro. Pedro Silva com 18 anos, começou cedo. Aos 12 anos, fez parte da Banda de Pardilhó, onde tocou trompete durante 2 anos. Toca guitarra há 1 ano, que aprendeu com os amigos. Neste momento, o Pedro tem uma banda.

 http://www.youtube.com/watch?v=459qPa8LjDE

 

Bruno Duarte – Com 20 anos,  é um grande apreciador de stand-up comedy e programas de humor, integra o grupo de samba “Vai-Quem-Quer”, já que adora o carnaval. Bem disposto, o Bruno tem sempre uma piada para cada situação. MENÇÃO HONROSA

 http://www.youtube.com/watch?v=RW_ywHmdeoQ

 

Jéssica Alves – Uma jovem com apenas 13 anos é apaixonada por música e pela Europa… interpretou a canção que representou o Azerbaijão no Festival Eurovisão da Canção neste ano de 2012,  “When the Music Dies”. 2º LUGAR

 http://www.youtube.com/watch?v=4xRcpdgE3ig

 

Fábio Rafael Aleixo – Com 17 anos, desde muito cedo que revelou gosto pela fotografia. Aos 6 anos de idade, deixava-se encantar pela máquina fotográfica dos pais e começou com ela a tirar as primeiras fotografias (que se lembra, pelo menos!). Eram fotos ou de família ou simplesmente para acabar o rolo da máquina. Atualmente, amplia os seus conhecimentos na área da fotografia através de pesquisas na net e através da prática, aproximando o máximo possível a técnica dessa prática. Apresentou-se com um conjunto de fotografias.

 http://www.youtube.com/watch?v=ubI4TceXMyE

 

Inês Araújo – Com 13 anos, frequenta a Associação de Ginástica Cultural de Estarreja, onde pratica ginástica rítmica com outras jovens. Participa neste concurso porque é uma forma de mostrar aquilo que gosta mesmo de fazer. MENÇÃO HONROSA

 http://www.youtube.com/watch?v=fnuuuF-2hy0

 

Após deliberação do júri o grande momento chegou! Foram anunciados os vencedores e entregues os três grandes prémios pelos representantes das empresas patrocinadoras.

1.º – Cheque oferta  do GRUPO FRUTAS ERNESTO S.A. no valor de  250€  reconvertido num cheque brinde da FNAC entregue pelo sócio gerente, Dr. João Paulo Candeias.

2.º –  Telemóvel Samsung  GT-C3330  Metalic Silver  + Máquina Fotográfica Samsung S860 Black da empresa AVEICELLULAR,  prémios entregues pelo Administrador da empresa, Sr. Carlos Aguiar.

 

3.º –  Cheque  brinde  em  produtos  da  empresa Carlos Santos HAIR SHOP, entregue pela Dr.ª Paula Rodrigues em representação da  administração da empresa.

 

  O evento foi encerrado com discurso do diretor da ESE, Dr. Jorge Ventura.

______________________________________

A arte e a cultura significam a riqueza da própria vida!

As atividades artísticas, culturais e científicas são formas de linguagem fundamentais que devem garantir e ajudar os alunos a desenvolver modos imaginativos e criadores de fazer e de pensar, exercitando os seus modos de expressão e comunicação. Cumpre à Escola, também  educar de forma lúdica, libertando emoções, despertando talentos.
O compromisso com o futuro depende do presente que somos. Valorizar o talento de uns pode constituir um incentivo para a excelência de outros. Este foi o pensamento que, desde o primeiro momento norteou a Comissão Organizadora empenhar-se em levar a cabo este concurso. Uma forte aposta, ganha, na dinamização do espírito empreendedor  jovem e na valorização do TALENTO EM AMBIENTE ESCOLAR.
 Um forte destaque e agradecimento é devido a todos os participantes  pela qualidade das suas performances que contribuiram para o sucesso deste evento, e a todos os convidados, autarquia representada pelo Vereador da Cultura, Dr. João Alegria, encarregados de educação, alunos da ESE e público em geral, pela calorosa adesão. Um sincero agradecimento à colaboração e  apoio pessoal de colegas e colaboradores da ESE: Carlos Ribeiro, Gorreti Capela e Paula Villasboas, profesores(as), que integraram com inteligência o júri da sessão eliminatória; Fernando Silva pela disponibilidade e profissionalismo patenteado na  colaboração técnica ( áudio e vídeo); Emanuel Sá pelo constante apoio logístico.
Comissão Organizadora:
  • Prof.ra Luísa Garraio
  • Prof.ra Marília Teixeira
  • Prof. Orlando Carvalho
  • Prof.ra Rosário Santos
  • Prof.ra Teresa Bagão

 

Eco-Empreendedorismo – Workshop em Estarreja

Na base do workshop “Eco-Empreendedorismo ideias verdes, oportunidades com futuro no Concelho de Estarreja”, está uma nova forma de pensar e de gerar negócios ”verdes”  neste concelho.

Participe neste evento. É necessário estimular os jovens a antecipar factos e a ter uma visão de futuro ambientalmente correto e economicamente viável.

 

Inscreva-se através do formulário de participação:

https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dGlPX2dMTmRPY2hrSV9uVkktbmN6RkE6MQ

“Como Proteger a Sua Ideia” – workshop online

 

A Associação Acredita Portugal está a promover o seu novo workshop online “Como Proteger a Sua Ideia” – Propriedade Intelectual e Patentes. O workshop decorrerá a 12 de Maio, entre as 16h00 e as 18h00, exclusivamente online.

 

Jovens Empreendedores na Estação Central de Zurique

Estudantes do ensino secundário ( 450 ) de vários países Europeus apresentaram, de 28 a 30 de Março, as suas empresas na JA-YE Europe Trade Fair 2012, em Zurique, Suiça. Os alunos precisaram somente de algumas horas para transformar a Estação Central de Comboios de Zurique, num mercado internacional. Provenientes de 33 países europeus, representando um total de 90 mini-empresas. Os mais variados produtos e serviços estiveram presentes, do mobiliário ergonômico ao web design, alimentos ou bebidas.

Vencedores

Best Overall Company
Nailcup (Suiça) – Esta mini-empresa desenvolveu um produto para remover o verniz das unhas leve, com um design criativo e fácil de usar.

Best Stand Award
One Body Ergonomics (Dinamarca) – Uma refinada cadeira de escritório ergonômica, que minimiza dores e lesões nos ombros, pescoço e de esforço repetitivo.

Most Innovative Product
Sport and Health Innovation (Holanda) – Um aparelho que lança bolas de ping-pong, com capacidade de armazenamento até 40 bolas. O gadjet pode ser colocado no lado ou no final da mesa, simulando o serviço de um adversário.

Best Marketing and Sales
Søvni (Noruega) – Um conjunto de cama inspirado na natureza da Noruega. Parte do lucro conseguido reverte para a sua fundação, que apoia tratamentos médicos de uma comunidade com graves problemas de saúde e sociais.

Accenture Enterprise without Boarders Collaboration Award
Expand-it (Portugal) – SPREAD-EAT é um recipiente onde é possível colocar dois tipos de recheios e levá-los para onde quisermos. Com uma embalagem prática, não é necessário usar uma faca para espalhar o recheio no pão, nas torradas, biscoitos ou até mesmo na fruta!

UBS Responsible Business Award
S.T.E.F.I JA (Itália) – Desenvolveu um protótipo para a regulação da temperatura interior dos edifícios utilizando controladores electrónicos fotovoltaicos.

KPMG Client Service Award
appletime (Suíça) – Vende uma gama de compotas de maçã com ingredientes sazonais com a possibilidade de serem armazenadas em recipientes personalizados.

Fonte: Junior Achievement-Portugal

V Feira da Juventude, Formação e Proteção Civil – Estarreja

V Feira da Juventude, formação e Proteção Civil aconteceu nos dias 22 e 23 de Março no pavilhão municipal de Estarreja. Mais uma vez, numa organização conjunta da Câmara Municipal e da Escola  Secundária local, aconteceu alegria, entretenimento e formação. Procurar informação sobre percursos formativos, saber mais sobre formação técnica e empreendedorismo ou determinada profissão, perceber a atividade das forças de segurança ou como seguir a carreira militar, foram os objetivos que orientaram esta ação que atraiu centenas de estudantes, assim como muitas pessoas da comunidade estarrejense.

Várias entidades estiveram presentes com todo o dinamismo e profissionalismo que as caracterizam: escolas básicas e secundárias, escolas profissionais, estabelecimentos de ensino superior, Centro de Novas Oportunidades do Antuã, Centro de Emprego e de Formação Profissional, PACOPAR e representantes da Proteção Civil.

Não podia deixar de referir a presença do núcleo de Empreendedorismo da ESE nesta feira, que foi dinamizado por um grupo de alunos do 11º H e 12º I do Curso Profissional de Gestão. Vários trabalhos estiveram expostos que chamaram a atenção pela criatividade e metodologia técnica utilizada.

Competências Empreendedoras

Em julho de 2011,  o IEFP publicou um documento que visa proporcionar aos formadores as aquisições de saberes, técnicas e metodologias, de forma a poderem desenvolver nos seus formandos/as competências comportamentais para o empreendedorismo.

Pode ler-se no documento, que o desenvolvimento de competências empreendedoras passa pela criação de um contexto rico em oportunidades de desenvolvimento pessoal e de exercício dos saberes, sendo representado na seguinte forma gráfica.

Não deixe de consultar o documento na íntegra. ( clique na imagem )

Fonte: IEFP

Educar para o empreendedorismo – Cameron Herold

Para Herold, “um empreendedor é uma pessoa que tem ideias e paixões, vê as necessidades do mundo e decide levantar-se e agir”. Segundo Herold, a escola e os pais estão a errar na educação das crianças.

 Por um lado, a escola não aproveita o potencial das crianças e dos jovens, preparando-as para virem a ser empreendedores. O que é importante é prepará-los para tirar um curso superior e ir trabalhar para uma organização. Por outro lado, os pais também não encorajam os filhos a serem empreendedores, preferindo incentivá-los a tirar um curso de medicina, de direito, de engenharia, etc., e correr atrás de bons empregos. Por exemplo, os pais nem se apercebem que, ao dar uma mesada aos filhos, estão a criar o hábito errado de esperar pelo dinheiro no final do mês, tal como acontece com o cheque do emprego. Pelo contrário, os empreendedores não aguardam pelo cheque. Os empreendedores são inquietos, preferem a acção e assumem riscos para alcançar os seus sonhos.

 A  receita de Herold para os pais é simples: não dê mesada aos seus filhos. Ensine-os a andar pela casa à procura de trabalhos para fazer e a negociar o preço a receber. Deste modo, os filhos serão educados para preferir criar negócios em vez de aguardar pelo salário ou pelo subsídio do governo.

Vale a pena assistir a este vídeo.

https://ted.com/talks/view/id/887

ESE – 2º Concurso de Ideias de Negócios Inovadores

O Núcleo de Empreendedorismo da nossa escola, com o Projecto “ Educação para o Empreendedorismo”, contribuiu, mais uma vez, para a construção de experiências educativas inovadoras e criativas para o desenvolvimento de uma nova consciência crítica e reflexiva, ao promover, dinamizar e participar no  2º Concurso de Ideias de Negócios Inovadores, numa parceria com a CME, DESTAC/Incubadora de Empresas de Estarreja, SEMA e PACOPAR. Destacaram-se 10 candidaturas, onde foram atribuídos prémios em dois escalões.

Na categoria Ideia Jovem, do 7º ao 9º anos, ganhou o projecto Arte no Papel. A empresa de comunicação social, dedicada especialmente à produção de revistas, dos associados José Manuel Garrido, Francisca Martins e Ana Rita Pires    ( alunos do 7º unificado), foi a ganhadora. Na Categoria Jovem Empreendedor, do 10º ao 12º anos, com 7 candidaturas apresentadas e no meio de tantas e tão boas ideias, o projecto Fonseca & Fonseca Unipessoal Lda. da aluna Vanessa Fonseca do 11ºI do Curso Profissional de Gestão, foi aos olhos do júri a mais fascinante ideia e incide na comercialização do “Sappi, um sensor auditivo para pessoas invisuais, que iria substituir a visão”, no fundo trata-se de um guia que levaria o seu utilizador ao destino escolhido tornando a “pessoa mais autónoma”.

Saliento, que nestes dois últimos anos lectivos a Incubadora de Empresas  de Estarreja, proporcionou formação aos alunos do 11º Ano do Curso Profissional de Gestão. A pedra de toque para a integração do espírito empreendedor na Escola.

Reforço a ideia, que a  educação e a formação para o desenvolvimento do espírito empreendedor encontram-se integradas na estratégia da Comissão Europeia  nas “Competências-Chave de Aprendizagem ao Longo da Vida” (EC, 2005), e são hoje amplamente reconhecidas como factores determinantes para o desenvolvimento económico e cultural em toda a Europa.

Importa continuar a desenvolver instrumentos para o reconhecimento e a validação de aptidões ligadas ao empreendedorismo, adquiridas através de aprendizagem não formal. A aprendizagem pela prática e a experiência concreta do empreendedorismo, graças a actividades e projectos práticos, constituem as melhores formas de promover o espírito empreendedor e as competências ligadas ao empreendedorismo.

Ideias empreendedoras – embalagem para líquidos reciclável

Uma notável ideia promotora do empreendedorismo, “GoldenWater”, venceu a edição deste ano do concurso “A Empresa”, organizado pela Junior Achievement – Young Enterprise.

“A GoldenWater, empresa criada por alunos do secundário da Escola Profissional Magestil, inventou uma embalagem para líquidos totalmente reciclável, que se pode enfiar num bolso quando está vazia, encher com água canalizada, guardar no frigorífico e desinfectar no microondas. No futuro, o grupo de oito alunos que se classificou em primeiro lugar na competição nacional “A Empresa”,  quer concorrer com as garrafas de plástico que não são biodegradáveis.”

Fonte: www.ionline.pt

Jovem de sucesso – Gabriel Antão um músico de excepção…

É com redobrada satisfação, e um privilégio falar de um jovem brilhante e talentoso na área que escolheu, a MÚSICA. Sinto-me orgulhosa por ter sido professora do Gabriel Antão. Embora pudesse ter sido um brilhante economista enveredou por outra via. Vários talentos lhe são conhecidos, mas foi a música que falou mais alto. Um ser humano excepcional, guiado pela sensibilidade e pelos seus próprios valores. Jovem extremamente culto e inteligente que ocupa, actualmente, largos espaços no cenário musical mundial.

Um músico de excepção! Um exemplo! Um empreendedor da cultura…

Gabriel Antão, de 21 anos é natural de Estarreja e teve os primeiros contactos com o trombone na Banda Visconde de Salreu. No entanto a vontade de aprender mais, levou-o a ingressar no Conservatório de Aveiro na classe do professor Luis Castro, e mais tarde na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto, com o professor Severo Martinez, tendo terminado ambos os cursos com classificação máxima nas aptidões instrumentais.

 Contrariamente ao que é feito pela maioria dos jovens que querem seguir música, frequentar uma Escola de Música, o Gabriel seguiu o Ensino Secundário, numa escola pública, frequentando o Curso Tecnológico de Administração na Escola Secundária de Estarreja, que terminou com a média de 18 valores.

 Ainda que, já tivesse decidido fazer da música a sua vida desde os seus 14 anos, sempre se preocupou com o seu futuro, daí que, se tenha matriculado no Curso de Economia, outra das suas paixões, na Universidade do Porto. No entanto, como já se encontrava a estudar no segundo ano do curso superior de trombone na ESMAE (Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto), tornou-se incompatível conciliar os dois cursos superiores. As exigências e as solicitações musicais eram muitas. Em Junho de 2009, termina o curso na ESMAE, com uma média de 18 valores, ingressando na Universität der Künste em Berlim, na classe do professor Stefan Schulz, como bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian.

 Tem colaborado como chefe de naipe na Rundfunk Sinfonieorchester Berlin, na Orquestra Gulbenkian e na Orquesta Ciudad de Granada. Colaborou também com a Deutsches Sinfonieorchester Berlin, a Orquestra Nacional do Porto, entre muitas outras. Como solista tocou com a Das Sinfonieorchester Berlin, a Sinfonieta da ESMAE e a Banda Sinfónica do Conservatório de Aveiro. Participou em encontros da Mahler Jugend Orchester e da Dutch Summer Academy. Ganhou o “Prémio Helena Sá e Costa”, o “Prémio dos Rotários do Porto”, o segundo prémio no concurso “Prémio Jovens Músicos” e o primeiro prémio no concurso “Terras de La Salette”.

 

O Gabriel Antão  é  bem o exemplo do jovem moderno, determinado, independente e profissional, que continua, sempre, a correr atrás dos seus sonhos!

O meu grande apreço a todos aqueles, que como o Gabriel, ousam e procuram incessantemente o sucesso, sucesso que se constrói com muito trabalho, dedicação e competência. Todavia, não se constrói futuro sem procurarmos a  solidez dos ensinamentos ministrados pela  ESCOLA.

 Parabéns! Que continues a brilhar!

_________________________________________

Gabriel Antão no Facebook

Livro do dia

Sinopse:
“Criar Modelos de Negócio é um manual prático e inspirador para quem procura melhorar um modelo de negócio – ou conceber um novo. Mude a forma como pensa os modelos de negócio. Criar Modelos de Negócio ensina-lhe técnicas inovadoras, eficazes e poderosas praticadas por algumas das empresas mais prestigiadas da actualidade. Aprenderá de forma sistemática a compreender, conceber e implementar novos modelos de negócio – ou a analisar ou renovar os antigos. Criar Modelos de Negócio pratica o que defende. Da autoria de 470 profissionais especialistas em modelos de negócio, este livro foi financiado e produzido sem o apoio da indústria editorial tradicional. Tem um design integrado e inovador que permite encontrar facilmente a informação relevante. Criar Modelos de Negócio destina-se a todos os que estão preparados para abandonar formas de pensamento ultrapassadas e abraçar novos modelos de criação de valor: empresários, executivos, consultores – e líderes de todas as organizações.”
Páginas: 288
Editor: Dom Quixote
Coleção: Economia & Empresa

Edição/reimpressão: 2011
Fonte:Wook

Concurso de Ideias – Jovem empreendedor de Estarreja 2011

Se tens uma ideia inovadora e diferente este é o teu momento!

Desenvolve uma ideia de negócio inovadora e habilita-te a seres

            O JOVEM EMPREENDEDOR DE ESTARREJA

 O Concurso de Ideias Jovem Empreendedor Estarreja 2011 tem como objectivo a selecção de ideias inovadoras, nos vários sectores de actividade e que assentem principalmente na Inovação, Tecnologia e Responsabilidade Ambiental, em torno das quais se possa perspectivar a criação de novos projectos que num futuro possam ser desenvolvidos em empresas.

Quem se pode candidatar?

Neste Concurso de Ideias de Negócios podem concorrer todos os alunos da Escola Secundária de Estarreja, individualmente ou em grupo, com o objectivo de explorar uma ideia empreendedora e inovadora.

Para isso basta preencher o formulário de candidatura e anexar quaisquer outras informações que julgues serem relevantes.

Todos os documentos podem, aqui, ser encontrados:

Formulário de Candidatura Concurso de Ideias – Eixo Estudantes

São elegíveis todas as ideias inovadoras nos vários sectores de actividade (Indústria, Energia, Serviços, Comércio, Turismo e Ambiente).

 Como se candidatar?

As candidaturas deverão ser enviadas em formato digital através do endereço empreendestarreja@gmail.com  e/ou em formato papel para o Gabinete do Contrato Local de Desenvolvimento Social de Estarreja (CLDS) que fica situado na Incubadora de Empresas (Edifício do Antigo Colégio).

Qualquer dúvida deverá ser remetida para o endereço de email acima referido.

Qual o prazo de candidatura?

Todos os projectos deverão ser entregues até ao dia 30 de Junho de 2011.

Para saberes toda a informação sobre o Concurso de Ideias Jovem Empreendedor Estarreja 2011, assim como os prémios e prazos de avaliação da candidatura, consulta o Regulamento que está disponível no link abaixo.

 Concurso de Ideias de Negócio Estarreja 2010 – Regulamento Eixo Estudantes

Aprende a ter um futuro de sucesso!!

 

Nota: Qualquer alteração ou informação relevante sobre o Concurso de Ideias Jovem Empreendedor Estarreja 2011 será publicada neste blogue. Está atento!

Núcleo DecoJovem na ESE

No âmbito do Núcleo DecoJovem vai realizar-se no dia 30 de Março (4ª. feira), uma ação de sensibilização para a comunidade educativa da ESE, sobre Educação Financeira dinamizada pela turma do 11º.I do Curso Técnico de Gestão.

O leque de atividades é diversificado, desde beber um sumo e comer um bolo, responder a um inquérito sobre estilos de vida e fazer o seu orçamento … tudo é possível!

Fica lançado o DESAFIO

O que faria com um saco cheio de dinheiro?

(Dê a sua resposta no bloco C)

clip_image002

 

O dinheiro que temos é o instrumento da liberdade; aquele de que andamos atrás é o da servidão.

( Rousseau, Jean Jacques)

Concurso – Criatividade para jovens

Para promover a criatividade entre os jovens, surge um concurso dirigido a quem tem entre 12 e 20 anos de idade e está no 3º Ciclo ou no Secundário. Através de uma abordagem pedagógica, prática e inclusiva, alunos e professores são convidados a criar as suas próprias obras originais concorrendo a uma ou várias categorias a concurso: Música, Letra, Design de Capa, Vídeo, Escrita Criativa, Fotografia e Media.

Os interessados podem efectuar a  inscrição até 31 de Março de 2011 através do site especialmente criado para o projecto, podendo os alunos participar individualmente ou em grupos, dos quais podem fazer parte professores.

Consulte o Regulamento disponível no site: