IRS 2015 – Tirar dúvidas de preenchimento

A DECO em parceria com o INFORMADOR FISCAL, oferece (sem custos) um site onde podemos tirar dúvidas e obter ajuda no preenchimento da declaração anual do IRS.

(Clique na imagem e aceda à página)

IRS

 

“Gerir e Poupar” – Novo portal da DECO

Preparar as novas gerações para fazer uso inteligente e responsável do dinheiro e dos recursos disponíveis, pois “Com o dinheiro não se brinca”, levou a DECO e a Santa Casa da Misericórdia a lançarem um novo portal, “GERIR E POUPAR“, onde se ensina as crianças e os mais crescidos,  as regras básicas para gerir o precioso dinheiro.

É importante que cada cidadão possa contribuir positivamente para o crescimento socialmente responsável da economia e dos índices de qualidade de vida.

(clique na imagem e aceda ao portal)

gerir e poupar

POP–Portal de Opinião Pública Portuguesa

O POP resulta de uma parceria entre a Fundação Francisco Manuel dos Santos (FFMS) e o Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e explora informação recolhida ao longo de vários anos em vários países europeus de forma mais ou menos harmonizada sobre temas como:

  • O indivíduo
  • A família
  • Os grupos sociais
  • O trabalho
  • A religião
  • A economia
  • A política

Entre os inquéritos fonte encontram-se as várias edições do Eurobarómetro, o Estudo Europeu dos Valores e o Inquérito Social Europeu.

Encontrará muitas curiosidades sobre nós (Portugal) e sobre os nossos países vizinhos. Desde as mais espantosas semelhanças às mais evidentes diferenças, úteis para estudos nas várias áreas do saber e  para estimular a reflexão.

 

(Aceda ao portal clicando na imagem)

image

Literacia financeira – “Todos Contam” novo portal

Ontem, dia nove, foi lançado pelo Conselho Nacional de Supervisores Financeiros um novo portal sobre  literacia financeira. Esta nova plataforma pretende ser uma “sede aberta de conhecimento” a todos os cidadãos. Uma única plataforma que reúne um vasto leque de informação sobre produtos de poupança e investimento – características, riscos e produtos adequados a cada etapa da vida – planeamento do orçamento familiar, cuidados a ter na contratação de crédito, mas também dicas sobre a prevenção da fraude, um guia para criar uma empresa, vários simuladores e até jogos e vídeos direccionados para os mais jovens

 

Com este novo site de LITERACIA FINANCEIRA,  pode aprender a fazer:

Continuar a ler

Crowdfunding – financiamento colaborativo

Financie a sua ideia com a ajuda das redes sociais

Crowdfunding  é um termo  inglês que traduzido para português poderá significar  “financiamento colectivo” ou “financiamento colaborativo”. É uma forma simples e recente de angariação de financiamento para um projeto através de uma comunidade que partilha os mesmos interesses.

No atual cenário de crise o crédito escasseia ou, simplesmente, é demasiado caro. O crowdfunding pode ser a alternativa de que precisava para financiar o lançamento do seu próprio negócio, para concretizar , um sonho há muito adiado ou, até,  promover uma ideia.

Para mais informações aceda à PPL Crowdfunding Portugal – Financiamento Coletivo

Crowdfunding

A PPL é uma plataforma que permite reunir uma rede de empreendedores e os seus apoiantes. O objetivo é permitir que o potencial  de ideias que pululam nesta comunidade  possa tornar-se uma realidade, através da ajuda na angariação de fundos. Pretende-se promover  os projetos de pessoas com talento e motivação em áreas tão diversas como eventos sociais, artísticos, culturais ou desportivos.

Se tiver uma ideia  ponha-a em prática  recorrendo a esta rede de empreendedores para tentar obter o financiamento necessário. 

Dinheiro Vivo – Novo jornal digital de Economia

DINHEIRO VIVO é o novo JORNAL DIGITAL de Economia com  informação diversificada e detalhada de factos económicos mais relevantes do mundo e o que cada um deles representa no nosso dia-a-dia. Uma ferramenta ágil que terá forte presença em site, redes sociais, aplicações para tablets e smartphones.

A informação é dividida em canais como:

EMPRESAS – Tudo sobre as grandes empresas nacionais e estrangeiras com uma completíssima base de dados empresarial com o perfil de mais de 20 mil empresas europeias.

ECONOMIA – Um canal com a mais completa informação sobre macroeconomia ao nível de análises de variáveis globais como: Produção, Rendimento, Investimento, Poupança, Desemprego, Nível geral de preços, etc.

FAZ – O sítio dos fazedores com histórias na primeira pessoa de projectos de empreendedorismo.

BUZZ  – Marketing, Publicidade, Design e Consumo, áreas que fazem a diferença.

GURU – Uma equipa de top responde a questões do quotidiano económico ( Actas de Condomínio,  Carreiras, IRS, etc. ).

ESTADO – Um canal dedicado à maior área da nossa economia: a Função Pública. A vida dentro dos ministérios, informação detalhada sobre a Administração local e central do Estado.

TAKE AWAY – Sugestões diárias, dos melhores conteúdos económicos na blogosfera. Estudos relevantes, artigos inspiradores, novos pontos de vista.

OPINIÃO – Os factos, a análise e a opinião, sempre em cima do acontecimento. Todas com assinatura de qualidade, e com três editoriais por dia.

REDES SOCIAIS –  Dinheiro-vivo com presença no Facebook, Twitter e Mobile.

EXCLUSIVO HBR  – O leitor tem acesso ao conteúdo exclusivo da respeitadíssima Harvard Business Review.

PONTO FINAL – Cada notícia conta com um Ponto Final: uma síntese com 140 caracteres.

( Clique na imagem para aceder ao Jornal Digital )

No início de Setembro, o Dinheiro Vivo terá a sua versão semanal em papel, aos sábados com o Jornal de Notícias e o Diário de Notícias. Totalmente a cores, 40 páginas semanais com a mais completa informação económica com cobertura nacional. Dinheiro Vivo também marcará presença na rádio através de um programa semanal na TSF.

Fonte: Jornal de Notícias de 17/06/2011

Empreendedorismo jovem – Plataforma E-Learning…

Hoje, dou-vos a conhecer um projecto criado recentemente, a  Plataforma E-Learning “Empreendedorismo Jovem, norte e galiza”,  promovido pelo Instituto Português da Juventude e pela Direcção Geral de Juventude e Voluntariado da Junta da Galiza.

Uma nova aposta no empreendedorismo jovem.

( clique na imagem e aceda ao portal )

Visão Verde

Uma  nova secção dentro do site da revista VISÃO, especializada em conteúdos ambientais já pode ser consultada:

VISÃO VERDE

Portal de notícias e opiniões sobre temas que vão desde o clima à agricultura, com uma área dedicada ao perfil de vários intervenientes ambientais. Para quem gosta de algo mais interactivo a não perder a secção multimédia.

Ano Europeu das Actividades de Voluntariado – 2011

O Conselho da União Europeia institui 2011 como o Ano Europeu das Actividades de Voluntariado que promovam uma Cidadania Activa (AEV-2011) através da Decisão n.º 2010/17/CE, de 27 de Novembro de 2009.

Principais objectivos do AEV:

  • Reduzir os obstáculos ao voluntariado na UE;
  • Dar meios às organizações de voluntários e melhorar a qualidade do voluntariado;
  • Recompensar e reconhecer o trabalho voluntário;
  • Sensibilizar as pessoas para o valor e a importância do voluntariado.

Informe-se sobre esta iniciativa em Portugal: Resolução do Conselho de Ministros n.º 62/2010.

Ao nível europeu, vai realizar-se um “tour” do voluntariado, que irá passar pelas capitais dos 27. Lisboa vai ser a segunda cidade a receber o evento, que pretende divulgar as acções de voluntariado na Europa. Esteja atento a este acontecimento de grande alcance cívico.

Consulte aqui a Plataforma Portuguesa – ONGD, excelente iniciativa por parte daqueles que  querem ver um pais  bem informado sobre voluntariado e não só. 


Esta Plataforma pretende ser um elo de ligação entre as ONGD, a sociedade civil, os órgãos de soberania e outras instituições, como o Instituto Português de Apoio ao Desenvolvimento (IPAD) e a confederação Europeia das ONGD de Emergência e Desenvolvimento (CONCORD) com vista a potenciar as suas acções num mundo cada vez mais globalizado e carenciado de solidariedade. A Plataforma tem como objectivos:

  •  Promover modelos de desenvolvimento sustentado e integrado no estrito respeito pelos Direitos Humanos;
  •  Acompanhar e influenciar a concepção, a execução e a avaliação das políticas de Desenvolvimento e de Cooperação a nível nacional e internacional;
  • Propor, incentivar e defender medidas económicas, comerciais e financeiras que respeitem os interesses das populações dos países do Sul e do Norte;
  • Sensibilizar a opinião pública, os decisores e os governos para a urgência de promover um desenvolvimento equitativo e participativo, aos níveis local, nacional, regional e mundial; Facilitar a reflexão e o debate das ONGD sobre áreas temáticas, geográficas e técnicas no âmbito do Desenvolvimento e da Cooperação, bem como desenvolver acções de formação;
  • Contribuir para o desenvolvimento institucional e para o reforço da capacidade de intervenção, assim como para o reconhecimento do direito de participação, do sector não-governamental e da sociedade civil dos países do Norte e do Sul;
  • Desenvolver todos os esforços no sentido de aumentar o grau de representatividade do movimento das ONGD, como parte activa da sociedade civil;
  • Representar as ONGD portuguesas, nomeadamente perante os Órgãos de Soberania nacionais, e o CONCORD;
  • Apoiar a promoção das culturas dos países do Sul e do Norte e incentivar o seu intercâmbio.

Fonte:Portal das plataformas nacionais de ONG

Biodiversidade Animal em Portugal

Visite o site de referência, Biodiversidade Animal em Portugal, cujo objectivo é a promoção do conhecimento sobre todas as 35 000 espécies animais ( e vegetais) existentes em Portugal e  sobre os sistemas onde se inserem.

( clique na imagem e aceda ao site )

SER VOLUNTÁRIO é FAZER A DIFERENÇA

Neste Dia Internacional do Voluntariado é bom recordar e ter sempre presente que há milhares de cidadãos anónimos que, dia após dia, com um gesto simples ou nobre, levam a alegria e esperança a minorias ou a desfavorecidos do mundo, contributos para a construção de uma sociedade mais fraterna e solidária.

Um bom exemplo do que acabo de afirmar é a distinção dada esta semana pela ONU a um português, Rui Oliveira,  pelo trabalho desenvolvido como voluntário, que iniciou depois de reformado.

Tudo começou «há cerca de um ano», depois de de uma vida inteira a trabalhar em informática, Rui sentiu-se «alarmado» com a ideia de parar. Foi então que um amigo lhe falou do voluntariado pela Internet sob a égide das Nações Unidas, um serviço para o qual acabou por se inscrever.

O voluntário dedica agora «cinco a seis horas» dos seus dias na manutenção e resolução de problemas da página Internet de uma organização não governamental, a VPWA, com base no Gana. Um trabalho que as Nações Unidas distinguiram esta semana com o prémio «UNV Volunteering Award 2010», atribuído anualmente a dez pessoas num universo de cerca de um milhão de voluntários.

 Por causa do seu trabalho «numa multinacional» passou tempo em vários países,  Angola, Botswana, Namíbia, onde se foi apercebendo das muitas carências sentidas pelas populações. «Aqui as pessoas queixam-se de ganhar trezentos euros por mês, mas lá há pessoas que têm que viver com um euro por dia».

Para o ano, pensa levar o voluntariado ainda mais longe, viajando até ao Gana para ajudar outra organização não governamental, a «New Life Foundation». «Eu e mais algumas pessoas vamos viajar à nossa conta. Vou fazer cursos de formação e introdução à informática, é um trabalho interessante», afirmou.

Cada um de nós, pode colaborar fazendo aquilo que sabe. O desejo de contribuir e a disposição de ajudar o seu semelhante, oferecendo-lhe respeito e Amor, é uma atitude Humana, além de ser um exercício de cidadania.

O importante é fazermos a nossa parte, porque só com o nosso exemplo é que as coisas realmente vão mudar. Tudo depende de nós.

Torne-se voluntário e faça a diferença!

( clique na imagem e aceda ao site da ONU – inscrições )

Com o objectivo de promover o VOLUNTARIADO enquanto expressão de cidadania activa e de intervenção cívica, sobretudo atendendo à actual conjuntura socioeconómica, a CGD e a PT consideraram fundamental investir na renovação  do site da Bolsa do Voluntariado, tornando-o mais funcional e atractivo, no sentido de captar mais voluntários capazes de apoiar as necessidades da população carenciada.

Aceda aqui ao novo site da Bolsa do Voluntariado, que permite agilizar a gestão do voluntariado português, e a sua distribuição de acordo com as necessidades de cada momento das instituições inscritas na Bolsa.

( clique na imagem e aceda ao site Bolsa de Voluntariado )

Denúncia de actos de corrupção e fraudes é possível em Portugal – PGR disponibiliza página na Internet

A Procuradoria-Geral da República disponibiliza no seu site na Internet,  uma página para a denúncia de actos de corrupção e fraudes.

https://simp.pgr.pt/dciap/denuncias/

As denúncias podem ser feitas de forma anónima e serão analisadas pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP). A PGR explica que precisa das denúncias dos cidadãos porque “a corrupção ocorre normalmente num círculo fechado de indivíduos, muitas das vezes protegidos por regimes de segredo profissional”.

As denúncias podem incidir sobre as actividades de entidades ou serviços públicos, também do sector privado, do comércio internacional e da actividade desportiva.

Deve existir o conhecimento de dados sobre o relacionamento entre os indivíduos suspeitos ou os efeitos nefastos dos seus actos para o interesse público, para o sucesso da investigação. Combater e eliminar a corrupção é uma responsabilidade de todos e quem não denúncia, conhecendo os factos relevantes, tem também a sua quota de culpa.

O autor da denúncia terá obrigatoriamente de indicar o sector de actividade em que ocorreram os factos, descrevê-los com o maior detalhe possível, revelar as datas, identificar os suspeitos e as empresas e indicar como teve conhecimento.

É, no entanto, facultativa por parte do autor da denúncia a indicação do valor aproximado das quantias envolvidas ou a entrega de documentos que possam comprovar as suspeitas, bem como assumir a sua identidade.

Ao autor da denúncia será ainda atribuída uma chave de acesso, para poder aceder à comunicação e tomar conhecimento da investigação.

( Aceda ao site clicando na imagem )

Portal da Segurança

 O “Portal da Segurança” é um projecto do Ministério da Administração Interna, constituindo um marco inovador na comunicação com os cidadãos e um espaço agregador de informação sobre segurança.
Neste sítio, o cidadão tem acesso a dados que lhe permitam estabelecer uma mais rápida ligação com as Forças e Serviços de Segurança, ficando ainda a conhecer o modo como actuar em situações específicas, nomeadamente as resultantes de catástrofes ou alterações da ordem pública.
O portal disponibilizará on-line trabalhos e produtos de informação e estudo produzidos pelas instituições de ensino e formação das forças e serviços de segurança.

( clique na imagem para aceder ao portal)

Senha 001 para serviços públicos – Serviço inovador

A partir de agora poderá utilizar um novo serviço que lhe permite fintar a burocracia e sobretudo, as filas de espera nos serviços públicos. Basta-lhe ter:

  • Cartão de Cidadão com as assinaturas electrónicas activadas;
  • Um leitor de cartões;
  • Ligação à Net.

Sem sair de casa, em www.senha001.gov.pt pode alterar a sua morada, pedir uma segunda via da carta de condução, marcar consultas ou criar uma empresa…

(Clique na imagem e veja aqui as vantagens deste serviço)

Managementhelp – site sobre gestão de crises

A palavra crise está definitivamente na ordem do dia, sendo premente a procura de soluções para a gerir.

O managementhelp.org  é uma espécie de “páginas amarelas” onde pode encontrar informação diversificada sobre a gestão de crises. É um bom site para encontrar respostas às muitas preocupações e inquietações que a crise fez emergir, em particular a nível empresarial. Funciona como uma livraria que disponibiliza de forma gratuita uma reflexão académica sobre a gestão de crise.

 
Consulte, clicando na imagem

managementhelp.org

O site oferece diversas abordagens e perspectivas sobre o tema. Desde a gestão proactiva, de forma a antecipar os cenários de crise, até à forma de lidar com ela, minimizando os riscos. É possível ainda,  avaliar eventuais  danos causados por uma crise, junto da opinião pública e dos accionistas.
Em managementhelp, é possível encontrar respostas sobre vários aspectos da crise. Entre eles, destacam-se, tópicos como “quando o inesperado acontece”, “10 passos para comunicar uma crise” e “simulação de uma crise”.
O site dispõe ainda de uma área de livros recomendados e tem associados um conjunto de blogs, onde é possível encontrar informação específica, seja sobre liderança, planeamento estratégico ou gestão de carreiras.

Impostos Press – O maior jornal on-line sobre impostos

Tudo o que acontece nos IMPOSTOS está neste  novo  portal, o maior jornal on-line sobre uma matéria que a todos diz respeito. É preciso estar sempre atento! Para uma melhor cidadania o cidadão deve estar informado,  ser activo, exigente e participativo Cada vez mais percebemos a importância dos impostos na nossa vida.

É um site obrigatório nos seus Favoritos. Não deixe de consultá-lo regularmente. É actualizado todos os dias, sendo de acesso universal, sem qualquer restrição de registos prévios e totalmente gratuito.

( Clique na imagem e aceda ao site )

Picar o Ponto – Informações sobre o mercado de trabalho

Picar o Ponto é um site dedicado a disponibilizar informações relativas ao mercado de trabalho. Num período pós-férias, tenha acesso a inúmeras informações sobre como se comportar no dia-a-dia  no local de trabalho ou a melhor maneira de lidar com o desemprego.

 Deixo aqui a indicação de alguns temas abordados neste portal:

O maior dicionário de pronúncias – Forvo

Quer descobrir como se pronuncia uma palavra?

Consulte o  Forvo. É  um site português,  o maior guia on-line de pronúncias do mundo. Todas as palavras em todos os idiomas são pronunciadas por falantes nativos.

Mais um óptimo instrumento de trabalho para alunos e não só!

( Clique na imagem para aceder ao site )

Portal do Direito – Direito Digital

Portal com informações úteis sobre Direito. Acesso imediato e gratuito a um vasto número de textos e artigos doutrinários. Uma boa ferramenta de trabalho para professores e alunos.

  • Dossiers jurídicos (seguros, legalização automóvel, crédito ao consumo, aquisição de nacionalidade,…);
  • Legislação e jurisprudência;
  • E-books;
( Aceda ao portal clicando na imagem )

Quiosque digital – serviço inovador

Quiosque Digital é um serviço inovador que pretende reunir numa única plataforma digital a maior parte das publicações periódicas nacionais.

Não deixe de consultar este site:

Portal eLearningeuropa.info

 Clique na imagem para aceder ao portal

Portal elearningeuropa.info

Este portal  é uma iniciativa da Direcção-geral para a Educação e Cultura da Comissão Europeia, e tem como objectivo promover a utilização das TIC na aprendizagem ao longo da vida.

O portal divide-se em quatro serviços de base:
1. Índice: disponibiliza um vasto leque de materiais de e-learning e de fontes de informação provenientes de toda a Europa.
2. Comunidade: é um espaço onde os profissionais de e-learning podem analisar e debater temas, divulgar e pesquisar informação ou ideias relevantes para as tarefas e necessidades do seu dia a dia.
3. Newsletter: fornece, mensalmente, informações sobre temas da actualidade, convites à apresentação de candidaturas em aberto, acontecimentos previstos e recursos e-learning.
4.  eLearning Papers:  é uma publicação digital sobre e-learning.

Portal Europeu de Informação – PRESSEUROP

Este portal  de iniciativa da Comissão Europeia agrega, diariamente, uma selecção de artigos da imprensa dos 27 países da União Europeia.

Coloca à sua disposição artigos da imprensa internacional e europeia que incidem sobre diversos domínios da actualidade comunitária, revistas de imprensa, notícias breves e sínteses da actualidade, ilustrações ( fotografias, vídeos desenhos humorísticos, etc. ), boletim informativo quotidiano sobre a actualidade mais recente e, ainda, arquivos de artigos.

Vale a pena consultar…

Portal do Conhecimento

Investir em conhecimento é um investimento garantido. Neste Portal poderá encontrar  informações sobre os exames nacionais: as datas, apontamentos, testes, correcções de exames,  e outras informações úteis.

Projecto BESP – Benchmarking das Escolas Secundárias

O projecto BESP Benchmarking das Escolas Secundárias Portuguesas apresenta uma plataforma web inovadora em Portugal. Esta plataforma serve de apoio às escolas em duas grandes vertentes da sua avaliação: Avaliação Interna e Avaliação Externa.

A partir da consulta deste site,  é possível analisar um conjunto de indicadores que  mostram o desempenho das escolas a vários níveis (contexto, resultados, recursos e processo) e são produzidos para dois tipos de cursos: científico-humanísticos e profissionais. Para produzir os indicadores são utilizados dados provenientes do Ministério da Educação (resultados de exames nacionais) e das próprias escolas.

Recomendo esta plataforma que devia ser objecto de análise cuidada, por todos os professores/formadores e outros agentes intervinientes no processo educatico. Quais são as escolas que apresentam melhores resultados? Quais são as práticas utilizadas? Será que as outras podem aprender com  as escolas que apresentam melhor desempenho? Falamos de benchmarking…

Para proceder à inscrição como utilizador e consultar toda a informação disponível, clique na imagem

projecto BES - benchmarking

Portal da Juventude com novo visual …

O Portal da Juventude está renovado. Permite partilhas em redes sociais  e prevê uma articulação com o cartão do cidadão, para  possibilitar directamente a autenticação e inscrição dos programas e iniciativas promovidos pelo Instituto Português da Juventude (IPJ).

Educação, formação, emprego, empreendedorismo, cidadania e habitação são as principais áreas temáticas do site, que permitirá inscrições ou candidaturas electrónicas.