Picar o Ponto – Informações sobre o mercado de trabalho

Picar o Ponto é um site dedicado a disponibilizar informações relativas ao mercado de trabalho. Num período pós-férias, tenha acesso a inúmeras informações sobre como se comportar no dia-a-dia  no local de trabalho ou a melhor maneira de lidar com o desemprego.

 Deixo aqui a indicação de alguns temas abordados neste portal:

Música para o seu estado de espírito em tempo de pausa…

Os momentos de pausa no trabalho  são preciosos não só para  descansar a mente como para revigorar a energia. Desde que as primeiras formas de música foram criadas, o homem começou a ganhar gosto por essa arte. As preferências podem variar, mas o facto é que cada género musical desperta em nós, uma determinada sensação.

É através de uma melodia que descobrimos um universo novo, desvinculamo-nos dos problemas do dia-a-dia para conquistar o relaxamento.

 Particularmente interessante é este site, “Música para o seu estado de espírito” e não deixe de descansar ao som de uma boa música e relaxe.

 ( Clique na imagem e aceda ao site)

Melhores empresas para trabalhar em Portugal – 2010

Remax, Urbanos e Safira são as grandes campeãs do estudo da Exame/Heidrick & Struggles, que distingue as empresas com melhores práticas de RH e cujos empregados estão mais satisfeitos.

Melhores comissões e forte motivação valeram à Remax o primeiro lugar no pódio. A rede imobiliária é a grande vencedora  deste estudo, que este ano conta com 85 empresas, o maior ranking de sempre.

Urbanos e Safira são também campeãs nas categorias de média e pequenas e micro-empresas, respectivamente. É o primeiro ano em que há três categorias neste estudo: grandes, médias e pequenas e micro empresas – segundo o número de colaboradores e volume de facturação – o que permite uma melhor comparação entre diferentes universos.

No global, as Melhores Empresas para Trabalhar em Portugal têm um índice de satisfação consolidado superior a 60%, o que revela que ainda há pessoas satisfeitas nas suas organizações, apesar da crise, e sobretudo que ainda há empresas que apostam na cultura de motivação e valorização dos recursos humanos.

 

Vencedoras

Categoria: Grandes empresas

1 – RE/MAX – (sobe do segundo para o primeiro lugar. Esteve em segundo lugar em 2007, 2008 e 2009) Alcança uma nota final de 85,49%

2 – Microsoft (cai de primeiro para segundo lugar)

3 – Liberty Seguros (entrada directa)

4 – Conduril (entrada directa)

5 – Grupo Lena (mantém o quinto lugar)

Categoria: Médias empresas

1 – Urbanos (sobe do quarto para o primeiro lugar)

2 – Ramos Catarino (sobe do 10.º para o segundo lugar)

3 – Hotel Ritz Four Seasons Lisboa (entrada directa)

4 – TNT (sobe do 16.º lugar para o quarto lugar)

5 –  Abreu & Associados (sobe do nono para o quinto lugar)

 Nova categoria: Pequenas e micro empresas

 1. Safira

2.  AMT- Consulting

3. Hiscox Insurance Company

4. Balonas e Menano

5. Aquapura Hotels Villas SPA

Fontes: Exame.pt e Visão.pt

“Promover em Portugal um círculo virtuoso do empreendedorismo requer um sistema de ensino que promova a criatividade”

Aqui fica uma interessante entrevista feita por João Fernando Mendes ao Soumodip Sarkar, professor da Universidade de Évora, considerado como um dos 100 especialistas na área do Empreendedorismo e Inovação pelo World Economic Fórum.

Nunca é demais salientar a posição de alguém que pensa que precisamos de uma educação virada para o empreendedorismo, e que deve ser iniciada com o ensino básico, um sistema de ensino que promova a criatividade.

Mais à frente na sua entrevista, refere que de uma forma geral, as características mais comuns entre os empreendedores de sucesso inclui factores como motivação, tomada de risco (elevado nível de conforto com o risco), competitividade/assertividade e autoconfiança.

Leia aqui a entrevista na íntegra:

 

 

Julgo que é possível alterar mentalidades, e que iremos conseguir a interiorização de uma cultura europeia virada para o Empreendedorismo nas nossas Escolas.

 

Livro do dia – O Empreendedorismo como tema…

Em vez de um,  serão referenciados 2 livros sobre a mesma temática, “O EMPREENDEDORISMO”, da mesma colecção e editora…

 Num mundo em vertiginosa mudança, o conhecimento é a principal arma dos jovens que cultivam os valores do empreendedorismo empresarial. Este livro afigura-se, por isso, como uma excelente ferramenta para todos os que, animados por uma constante atitude de desafio, demonstram dinamismo e criatividade para concretizar as suas ideias de negócio.

Este livro é identificado como um guia para estimular a energia de qualquer empreendedor. Aborda temas como trabalhar melhor e não mais; relacionar-se com os clientes actuais e futuros; promover a empresa no mercado, e outros temas práticos que ajudarão os jovens estudantes e empresários a enfrentar os desafios de qualquer novo negócio.

 

Autor: Simon Tupman
Título: “Por que é que os empreendedores devem comer bananas”
Editora:  
Actual Editora

Este segundo livro,  relata a experiência de dois irmãos que fundaram a famosa marca de cafetarias do Reino Unido, “Coffee Republic”. Os autores abandonaram vidas profissionais de sucesso para apostar num sonho – construir a melhor cadeia de cafetarias do Reino Unido.

Oito anos depois, Sahar e Bobby Hashemi eram já dois dos mais bem sucedidos jovens empreendedores do país. Num discurso informal e prático, os autores, e protagonistas desta história de sucesso, conduzem o leitor pelas etapas, nem sempre fáceis, que levaram à construção do seu negócio. Do brainstorming aos business plans, partilham a sua experiência e oferecem dicas e conselhos úteis a quem pretenda enfrentar desafios semelhantes.

Autores: Bobby Hashemi e Sahar Hashemi
Título: “Qualquer um consegue”
Editora:  Actual Editora