Comunicar em Inglês – “Audio BooK Language”

A cada dia que passa, aponta-se a necessidade crescente de comunicar em Inglês. Vivemos numa sociedade global, em que o contacto e o intercâmbio entre países e culturas assumem grande relevância.

São os estudantes que completam estudos noutros países, congressos e seminários internacionais de diferentes áreas científicas, projectos internacionais de diferentes naturezas, empresas que operam no estrangeiro, livros e revistas cuja leitura precisa de ser feita na língua original. Também no mundo tecnológico a língua inglesa está sempre presente.

Uma boa forma de aprendermos qualquer idioma passa por ouvir livros falados. Particularmente interessante é este site, “Audio BooK Language”, onde escolhe o livro e pode começar de imediato  a aprendizagem ou aprofundamento de uma língua estrangeira.

Ideal para crianças e jovens de todas as idades! Pode efectuar o download em formato MP3, iPod e iTunes.

Clique na imagem para aceder ao site. 

 

Anúncios

Jogo de Gestão – Saiba qual a sua vocação

Encontra-se online um JOGO DE GESTÃO, lançado pela L´Oréal, que pretende ajudar a nova geração de estudantes a encontrar o caminho profissional mais adequado. O jogo convida os alunos a desempenharem o papel de um estagiário, experimentando várias profissões. Este jogo pretende proporcionar aos futuros profissionais diversos conteúdos   pedagógicos nas mais diversas áreas, como Marketing, Finanças, Comercial, etc.

Esta iniciativa inovadora vai de encontro a um dos principais objectivos da L´Oréal: recrutar e atrair os mais diversos perfis de carreiras entre os jovens de todo o mundo.

Para entrar no jogo deve registar-se. Nesta viagem virtual inovadora, fique a saber QUAL A SUA VOCAÇÃO!

Fonte: Semanário Sol de 12 de Fevereiro

Livro do dia: Portugal – O Pioneiro da Globalização

Portugal - O pioneiro das descobertas

Título:
Portugal − O Pioneiro da Globalização
A Herança das Descobertas

Autores:
Jorge Nascimento Rodrigues
Tessaleno Devezas

Páginas: 606

Edição:  Jul/2009

Preço:  19,95 EUR

Colecção: Desafios

 

 

O mais ocidental e periférico país europeu viu emergir um intento estratégico que lhe valeu o lugar único de primeira potência global. Nunca os imperadores mongóis ou chineses, nem os mercadores e estrategos das Repúblicas Marítimas italianas lá haviam chegado. Os que se seguiram ‘copiaram’ muito da experiência portuguesa e ‘corrigiram’ os erros estratégicos.
A História não se engana: os Portugueses de Quatrocentos e Quinhentos, ao longo de um processo evolutivo de mais de cem anos, foram os pioneiros na inovação tecnológica e geoestratégica numa época de transição. Valeram-se do improviso organizacional, de uma lógica incremental e de um pensamento aberto. Souberam agarrar uma janela de oportunidade da História que não se repetiria. Este livro demonstra, com base numa investigação científica, a originalidade portuguesa.

Este livro é uma  viagem em 608 páginas sobre a Expansão Portuguesa dos séculos XV e XVI. Uma leitura acerca do que pode e deve ser retido como memória histórica de uma época em que Portugal foi um verdadeiro ‘Estado-estratego’ imbuído de um intento global.
Um regresso à «Matriz das Descobertas» fundadora da diferença portuguesa no Mundo. A mais antiga «Agenda de Lisboa», aqui revisitada.

Este livro dirige-se a cinco tipos de leitores:

  • aos jovens, como complemento à História que aprendem no ensino formal e como mensagem para reflexão;

  • ao amador de História que há em todo o cidadão comum, contaminado pelo espírito de um passado único, hoje esquecido pela historiografia oficial e pelos media;

  • aos profissionais e estudantes de geoestratégia e de relações internacionais, sugerindo uma nova visão sobre a originalidade portuguesa na globalização;

  • aos profissionais e estudantes dos ciclos económicos, introduzindo uma ferramenta de análise aplicável à História económica e à previsão e prospectiva;

  • ao investigador, como sugestão de pistas para pesquisas futuras e polémica saudável.

Segundo a revista Executive Digest:

”Este é o livro que faltava sobre a epopeia dos Descobrimentos portugueses visto à luz da ciência económica e da geopolítica. Dois autores nacionais demonstram que Portugal foi a primeira potência mundial a desencadear o fenómeno irreversível da globalização, um tema hoje tão em voga no mundo académico e empresarial. “

Fonte: Centro Atlântico