Para empreendedores – Prémio Brisa Mobilidade

prémio-brisa-mobilidade-2019

“Estão abertas as inscrições para o Prémio Brisa Mobilidade, a vertente do concurso de empreendedorismo da Acredita Portugal orientada a serviços e produtos de mobilidade inovadores. A iniciativa junta empreendedores, especialistas, mentores e investidores numa plataforma de partilha de experiência e conhecimento e promoção e desenvolvimento de novas ideias de negócio.

O Prémio Brisa Mobilidade 2019, destina-se a estimular e promover a criação de serviços e produtos de mobilidade inovadores, desenvolvidos em parceria com a Brisa. A iniciativa integra o Montepio Acredita Portugal, o maior concurso de empreendedorismo de Portugal e o segundo maior a nível mundial e premeia ideias e projetos que passam por vários setores e áreas económicas e sociais. Recebeu, na sua última edição, mais de 11 mil ideias de negócio.

As inscrições podem ser submetidas online, de forma gratuita, até ao dia 20 de janeiro de 2019 através do site acreditaportugal.pt.

Este Concurso pretende apoiar qualquer pessoa com uma ideia de negócio, independentemente da sua idade, nível de formação e localização no território nacional, apoiando projetos promissores com know-how especializado para o seu desenvolvimento e avaliação. Os melhores projetos têm contacto direto com investidores, especialistas e mentores, assim como o acesso a formação personalizada e a oportunidade de integrar um programa de pré-aceleração. O vencedor do Prémio Brisa Mobilidade será incubado pela Brisa e receberá o apoio da empresa na fase go to market.”

Mais notícias em: http://www.empreendedor.com/premio-brisa-mobilidade-procura-empreendedores/

 

2018 – Melhor ano de sempre

artificial-intelligence-3382507_1920-1060x594

“Ser português e estar a operar para o mundo desde Portugal é uma vantagem nesta revolução digital.

O ano de 2018 foi o melhor de sempre para o empreendedorismo português. Foi o ano da consagração das startups e das empresas unicórnio como parte integrante do nosso tecido económico. Farfetch, Feedzai, OutSystems, Talkdesk e muitas outras foram nomes lidos e ouvidos diariamente. Pela primeira vez temos vários fundadores recentes de empresas como capa frequente de jornais e revistas, como líderes respeitados e seguidos, como oradores de grandes eventos e tidos por todos como empresários de sucesso. Com uma quantidade ímpar temos pela primeira vez empresas de setores ditos tradicionais a investir e a fazer parcerias com empresas de setores mais emergentes, merecendo um realce especial o exemplo da Semapa, inovador até em termos europeus, mas a Fidelidade, a Delta, a Sonae, a EDP e muitas outras têm desenvolvido programas sérios e com resultados económicos relevantes.”

Fonte: https://www.dinheirovivo.pt