Livro do dia – Gestão sem Segredos ( colecção )

Biblioteca Gestão sem Segredos de Gil Friend, James O’Rourke, Stephen P. Robbins, Robert E. Gunther, Michael Solomon

Ano de edição ou reimpressão: 2010

Editor: Edições Centro Atlântico

Colecção: Desafios

 

Os cinco livros da Biblioteca Gestão sem Segredos revelam pensamentos, centenas de técnicas, e estratégias testadas, concisas, fáceis de aplicar e que resultam – simplesmente, os melhores pensamentos sobre o assunto. A Verdade e nada mais que a Verdade.

 A Biblioteca Gestão sem Segredos inclui os seguintes livros:

  • O Segredo das Empresas Sustentáveis – A vantagem das estratégias “verdes”;
  • Os Segredos da Mente dos Consumidores – Saiba como eles decidem fazer compras;
  • O Segredo das Boas Decisões – Faça sempre a escolha acertada;
  • O Segredo das Apresentações de Sucesso – Focalize-se no que pode correr bem e conquiste-os;
  • O Segredo na Gestão de Pessoas – Cuidado com as soluções milagrosas.

Fonte: WOOK

José Saramago deixa saudades

José Saramago deixa-nos saudades, mas a sua obra é eterna. Prémio Nobel da Literatura em 1998, foi o  primeiro escritor de língua portuguesa a obter tal distinção.

Romancista, poeta e dramaturgo, autodidacta, José Saramago apenas concluiu estudos secundários, dadas as dificuldades económicas familiares. Desenvolveu um percurso profissional do jornalismo à política, com experiências em serralharia, produção e edição literária, assim como em tradução. Em 1976, foi o desemprego que o levou a dedicar-se à literatura.

Associado a polémicas, a maior com Igreja Católica, marcou definitivamente a sua forma de ser e que mais definiu a sua personalidade. “O evangelho segundo Jesus Cristo”, de 1991, e “Caim”, seu romance mais recente, de 2009, deixaram  a Igreja numa agitação, muitos não aceitaram as interpretações bíblicas  que o escritor fez dos evangelhos.

Mas Saramago perdurará para sempre, porque é pelos livros que nunca o esqueceremos.

Um grande escritor com uma grande Obra… Um grande contributo para a literatura, tanto nacional como mundial… Uma grande perda para o mundo…

Conheça aqui todas as obras publicadas:

http://www.caleida.pt/saramago/obras_publicadas.html

Site da Fundação José Saramago:

http://www.josesaramago.org/ 

 

Portal do Conhecimento

Investir em conhecimento é um investimento garantido. Neste Portal poderá encontrar  informações sobre os exames nacionais: as datas, apontamentos, testes, correcções de exames,  e outras informações úteis.

Ensino Superior – Ferramenta de pesquisa

A mais completa ferramenta de pesquisa sobre instituições de Ensino Superior existentes em Portugal e respectivos cursos (Licenciaturas e Pós-graduações),  encontra-se disponível em www.forum.pt.

Com uma descrição completa e rigorosa, é disponibilizada informação complementar sobre candidaturas, estágios, propinas, localização e contactos. Quanto aos exames nacionais, é ainda possível aceder aos enunciados das provas e respectivos critérios de correcção – tanto dos exames do ensino básico como do secundário.

Design e Empreendedorismo Social

Entre 23 de Junho e 7 de Julho, o IPA realiza duas iniciativas no âmbito do Design e do Empreendedorismo Social.

As conferências ocorrem à quarta-feira às 18:30h (nos dias 23, 30 de Junho e 7 de Julho). Serão oradores: Henrique Cayatte (Presidente do Centro Português de Design), Joaquim Casado (ex-Presidente da Junta de Freguesia da Ericeira, empreendedor social, orador-estrela do TEDxLisboa) e Ana Vasconcelos (Designer, docente e investigadora). A entrada é livre.

 O workshop realiza-se nos dias 23 (noite), 24 (todo o dia) e 26 de Junho (manhã), tem como orador convidado Henrique Cayatte e é orientado por Glória Costa e Estuardo Calderón Scheel. No actual panorama económico, social e ambiental o design é uma ferramenta poderosa para gerir projectos sustentáveis. A inovação social é um modelo participativo onde o design thinking se julga necessário no processo de decisão. 

O intuito é criar consciência para o trabalho do designer tendo em conta valores de ética, equidade e justiça, numa perspectiva holística e explorando novas formas de activação direccionadas para a flexibilidade social e um modelo de inclusão social.

Para mais informações, consulte:site do IPA

Turismo Educativo Júnior 2010

A Fundação INATEL e o Ministério da Educação associaram-se para a organização conjunta do Programa «Turismo Educativo Júnior 2010», dirigido a jovens com idades entre os 13 e os 17 anos e a realizar durante as férias de Verão. Esta iniciativa pretende proporcionar, a cerca de 4 mil participantes, a oportunidade única de beneficiar de uma semana preenchida de actividades lúdico-culturais e desportivas, subordinadas a quatro temas que definem cada uma das rotas à disposição de quem se inscreve: Castelos, Ciência Viva, Desporto e Teatro.

As inscrições para o TEJ’10 – Turismo Educativo Júnior 2010 estão abertas e podem ser efectuadas junto dos serviços distritais INATEL ou  através do site da INATEL.

  • Não há limite para o número de inscrições por escola/participante;
  •  A candidatura não implica qualquer pagamento;
  • A candidatura não tem carácter vinculatório;
  • Os professores não têm de acompanhar os participantes durante as viagens;
  • Todo o acompanhamento será realizado por um corpo de monitores devidamente formados para o efeito;
  • Os pagamentos deverão ser efectuados por parte dos responsáveis legais dos participantes.
    Para mais informações: Inatel Fundação

Projecto BESP – Benchmarking das Escolas Secundárias

O projecto BESP Benchmarking das Escolas Secundárias Portuguesas apresenta uma plataforma web inovadora em Portugal. Esta plataforma serve de apoio às escolas em duas grandes vertentes da sua avaliação: Avaliação Interna e Avaliação Externa.

A partir da consulta deste site,  é possível analisar um conjunto de indicadores que  mostram o desempenho das escolas a vários níveis (contexto, resultados, recursos e processo) e são produzidos para dois tipos de cursos: científico-humanísticos e profissionais. Para produzir os indicadores são utilizados dados provenientes do Ministério da Educação (resultados de exames nacionais) e das próprias escolas.

Recomendo esta plataforma que devia ser objecto de análise cuidada, por todos os professores/formadores e outros agentes intervinientes no processo educatico. Quais são as escolas que apresentam melhores resultados? Quais são as práticas utilizadas? Será que as outras podem aprender com  as escolas que apresentam melhor desempenho? Falamos de benchmarking…

Para proceder à inscrição como utilizador e consultar toda a informação disponível, clique na imagem

projecto BES - benchmarking