5000 Estágios Profissionais na Administração Central

“Com a publicação do Decreto-Lei n.º 18/2010, de 19 de Fevereiro, e com a publicação, das Portarias n.º 172-A/2010 e n.º 172-B/2010, que regulamentam o regime previsto naquele Decreto-Lei, foi instituído um novo programa anual de estágios profissionais na Administração Pública Central (PEPAC) e definidas as regras, prazos e contingentes da 1ª edição deste programa.

Com a disponibilização de 5000 estágios profissionais, repartidos pelos diversos organismos e serviços da Administração Central, o Governo cria uma nova oportunidade para três tipos de situações: jovens à procura de primeiro emprego, jovens licenciados em situação de desemprego e jovens que, embora se encontrem empregados, exerçam uma ocupação profissional não correspondente à sua área de formação e nível de qualificação.

A partir de 1 de Julho e ao longo de um ano, os jovens seleccionados terão oportunidade de, em contacto com as regras, boas práticas e sentido de serviço público, valorizarem as suas qualificações e competências, mediante o desenvolvimento de experiências formativas e profissionais, nas mais diversas áreas de formação e educação (cf. o anexo com o resumo das ofertas de estágio).

Em atenção a princípios de transparência e celeridade, a apresentação e o processamento das candidaturas, incluindo a selecção dos candidatos em função da avaliação curricular, são integralmente realizados em suporte electrónico no sítio da Internet do PEPAC (www.bep.gov.pt/pages/estagios/default.aspx), acessível no portal da Bolsa de Emprego Público (www.bep.gov.pt), onde  estará disponível toda a informação relevante respeitante à 1.ª edição do PEPAC.

Os interessados poderão começar a apresentar as suas candidaturas, no sítio referido. Outras datas relevantes poderão ser consultadas no cronograma em anexo.”

Para quaisquer esclarecimentos adicionais, os interessados poderão utilizar o seguinte endereço: pepac@dgaep.gov.pt.

( clique na imagem e aceda ao site)

 Fonte:www.governo.gov.pt/pt/

Workshop s/Empreendedorismo na Escola Sec. Estarreja

No âmbito da III Semana da Juventude e Formação Profissional decorreu na tarde do dia 25, no  Polivalente da Escola Secundária de Estarreja, um Workshop temático subordinado ao tema EMPREENDEDORISMO, proferido  pelo Dr. Frederico Dinis. A palestra foi importante e esclarecedora e veio ao encontro das expectativas dos alunos e professores acompanhantes de saber algo mais sobre o tema. Transformar um conceito inovador num projecto empresarial de sucesso, foi o mote dado:  uma boa ideia, que ainda poucos exploraram, pode ser um ingrediente de peso para construir um negócio de sucesso.

Foi, inquestionavelmente, uma palestra bem conseguida,  com objectivos bem definidos e muito bem apresentada  e que mereceu  rasgados elogios  de todos os  presentes.  A repetir!

Um agradecimento especial é devido à Dr.ª Andreia Rocha da Incubadora de Empresas de Estarreja, que organizou este Workshop..

_____________________

Frederico Miguel Dinis é especialista em gestão e coordenação de projectos de I&D, Inovação, Empreendedorismo e Gestão de Conhecimento.

É doutorando do programa de Doutoramento em Gestão na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, pós-graduou-se em Gestão da Inovação e do Conhecimento pela Universidade de Aveiro e licenciou-se em Engenharia Informática pela Universidade de Coimbra.

É Fundador e Director Executivo da inCentor, empresa ligada à produção, gestão e disseminação de conhecimento nas áreas da Inovação e Empreendedorismo. Foi Fundador e Autor da revista inovar.te, tendo escrito diversos artigos nas temáticas da inovação e empreendedorismo, e foi Fundador e Director Geral da Self Energy Innovation, empresa de brokering tecnológico ligada à gestão de conhecimento nas energias renováveis.

É Director Executivo e Investigador Associado do CCIM – Coimbra Centre for Innovative Management da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, onde desenvolve projectos relacionados com Sistemas e Modelos de Inovação Territorial e Políticas Territoriais de Desenvolvimento e de Inovação.

Ler um livro passeando pela cidade – 2ª. edição em Aveiro

ler um livro passeando pela cidade Em 2008, o Museu da Cidade de Aveiro, tutelado pela Autarquia, associou-se ao conceituado e galardoado escritor Gonçalo Tavares para o desenvolvimento do projecto “Ler um livro passeando pela cidade”, no âmbito do programa “Museu da Cidade intervém no espaço urbano”.
Dada a receptividade da primeira iniciativa, a partir do próximo dia 26 de Março (ainda por tempo indeterminado) iniciar-se-á a segunda edição do projecto “Ler um livro passeando pela cidade”. Apostando na utilização de suportes de mobiliário urbano já existentes na cidade, os candeeiros da Rua Direita e da Praça Melo Freitas receberão tarjas com os novos textos de Gonçalo Tavares.

A iniciativa da Câmara Municipal de Aveiro e promovida pelo seu Museu da Cidade relaciona-se com o conceito de intervenção do museu na cidade e pretende dar cumprimento aos três pilares de acção fundamentais: território, património e comunidade.
Esta segunda edição do projecto “Ler um livro passeando pela cidade” mantém o princípio que fundamentou a sua criação, expresso nas palavras de Gonçalo Tavares: “A ideia é que, à medida que alguém lê o livro, também visite e conheça o património invulgar da cidade. Pretende-se, assim, de uma maneira directa, dar uma visibilidade maior a determinados locais da cidade. Dadas as suas características – em que os leitores através do seu corpo envolvem o livro e onde se pede que os leitores caminhem e se movimentem para poder ler – é um livro um pouco diferente do normal. A ideia é que o acto de ler envolva e exija a deslocação física concreta”.

Fonte: Câmara Municipal de Aveiro

Abertura da III Feira da Juventude – Estarreja

Decorreu, hoje,   no Polivalente da Escola Secundária de Estarreja  a sessão de abertura da III Feira da Juventude e de Formação Profissional. A abertura oficial foi presidida pelo presidente da Câmara Municipal, Dr. José Eduardo de Matos. Na sessão estiveram o vereador responsável pelos pelouros da Educação e Juventude, Dr. João Alegria e o Director da Escola, Dr. Jorge Ventura.

Realço o valor dado ao empreendedorismo nos discursos proferidos, tanto pelo Presidente da Câmara como pelo vereador da Educação. Fomentar o empreendedorismo numa articulação com a valorização dos recursos locais e consolidação dos projectos pessoais dos alunos da Escola Secundária de Estarreja, através de metodologias inovadoras, contribui para a realização pessoal dos jovens, proporcionando, designadamente, a preparação adequada para a vida activa, aproximando-os da realidade económica e profissional.

Foi ainda divulgado o projecto piloto que está a ser levado a cabo pela  turma do 11º L do Curso Profissional de Gestão, ao nível da criação de negócios inovadores com  a colaboração activa da Incubadora de Empresas de Estarreja.

Realço ainda, que esta mesma turma, encontra-se a participar nesta feira  no âmbito do núcleo de Empreendedorismo da ESE,  com a gestão de um mini-negócio,  “Sabores Caseiros”,  com o intuito de ajudar financeiramente uma Associação de Animais Abandonados de Albergaria-a-Velha – Perdidos e Achados.

Tornar-se empreendedor é  realmente o desafio de ser responsável pelo próprio futuro e pelo futuro da comunidade em que se vive.

Compre produtos Portugueses…

 
Apoie os produtos portugueses!
 
 Ao comprar produtos produzidos em Portugal está a contribuir para o crescimento económico e para o aumento e preservação dos postos de trabalho no nosso país!
Bem, na hora de escolher, é bastante fácil tomar uma atitude correcta: procure no produto, o código de barras e verifique se ele começa por 560. Muito simples!
 
Tome uma atitude! Pense em Portugal e no seu futuro!
 
Conheça o MOVIMEMTO 560
( clique na imagem para aceder ao site )

Dia Mundial da Poesia – 21 de Março

 

A poesia  é a  força que penetra os nossos sentidos… e que tantas vezes me fez e faz ainda  sonhar!  Sons… sentimentos… sensações… momentos… no fundo, presentes à vida. 

Deixo-vos com a palavra de um grande poeta, Eugénio de Andrade cuja obra é uma das mais sólidas e incontornáveis da poesia portuguesa.  

As palavras 

 
Secretas vêm, cheias de memória.
Inseguras navegam:
barcos ou beijos,
as águas estremecem.
Desamparadas, inocentes,
leves.
Tecidas são de luz
e são a noite.
E mesmo pálidas
verdes paraísos lembram ainda.
Quem as escuta? Quem
as recolhe, assim,
cruéis, desfeitas,
nas suas conchas puras?

                                                             Eugénio de Andrade 

Visita de Estudo a Lisboa

No dia 18 de Março de 2010, os alunos do 11º L do Curso Profissional Técnico de Gestão visitaram o Centro de Informação Europeia Jacques Delors acompanhados pelos seus professores, com o objectivo de assistir a uma apresentação com a duração aproximada de 90 minutos, subordinada aos temas  “A União Europeia” e “Cidadania Europeia”.

A deslocação iniciou-se às 6h 30m, não faltando entusiasmo e vontade de aprender, de forma diferente, alguns dos conteúdos leccionados nas disciplinas de Economia, Direito das Organizações e Área de Integração sobre a União Europeia. Cada aluno recebeu documentação diversa sobre a temática Europeia, permitindo-lhe aprofundar os seus conhecimentos na matéria.

De tarde, outro ponto alto aconteceu. A visita ao Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian, onde os alunos conheceram melhor  a história da arte moderna e a motivação para a execução deste tipo de arte. Olharam para quadros de pintores famosos, tentando ver e interpretar a mensagem dos artistas.

Numa perspectiva multidisciplinar esta  visita teve como objectivo primeiropromover a interligação entre teoria e prática, a escola e a realidade através da interiorização dos seguintes domínios:

  • Cidadania europeia;
  • União Europeia enquanto ordem jurídica comunitária;
  • A expressão artística como construção social e como cultura através da liberdade de criação;
  • A transversalidade das artes num mundo globalizado.

Os organizadores desta visita, Rosário Santos, Marília Teixeira e Paulo Neves, consideram que os objectivos foram plenamente alcançados, e realçam o entusiasmo vivido e mostrado pelos vários alunos participantes.

Bookcrossing um novo conceito de leitura

Totalmente grátis e vivendo apenas de quem deixa ou leva um livro, esta espécie de clube está a fomentar a leitura em todo o mundo e também vive na internet, em www.bookcrossing-portugal.com, ponto de encontro onde se sabem as últimas notícias dos livros que foram deixados por aí e onde também são registados, pois todos os livros de bookcrossing devem ser registados.

Desta forma, o  objectivo do Bookcrossing é possibilitar a troca de livros de forma a transformar o mundo numa biblioteca.

O conceito surgiu nos EUA, em 2004, e consiste na prática de deixar os livros em locais públicos, nomeadamente cafés, transportes públicos ou paragens do autocarro, para que um maior número de leitores lhes possa dar utilidade.

Em Portugal existe um conceito mais restrito do BookCrossing, acessível apenas virtualmente. A troca de livros implica o registo no site e a viagem é feita através de um número de identificação.

 Boas leituras!

 

Loja do Empreendedor

Na loja do Empreendedor é possível encontrar notícias sobre novos programas de financiamento, fundos comunitários, linhas de crédito, projectos de internacionalização, entre muitas outras iniciativas de suporte ao desenvolvimento da actividade empresarial, às quais os empresários se podem candidatar com o apoio consultivo da Loja do Empreendedor.

A Loja do Empreendedor consiste num balcão especializado no apoio à criação e desenvolvimento de empresas, designadamente micro e pequenas empresas, ao emprego, à formação e ainda à promoção do empreendedorismo por parte de instituições, como universidades ou ONG, que queiram desenvolver iniciativas de estímulo à actividade empresarial. Actualmente, a ANJE conta com Lojas do Empreendedor a funcionar nos seus núcleos regionais (Norte, Centro, Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve), sendo que o objectivo é replicar o projecto um pouco por todo o País, em parceria com os poderes locais.
 
Clique na imagem para aceder à Loja do Empreendedor.
Fonte: QueroMais

Recursos para TOC …

A Partilha TOC é um serviço de partilha de documentos, pensado na ajuda a dar aos Técnicos Oficiais de Contas no desempenho da profissão.

No entanto, professores e alunos  podem encontrar  informação relevante ao nível da contabilidade e fiscalidade, gestão de pessoal (minutas de contratos, legislação, etc…).

Clique na imagem e aceda ao site:

 

Dia Mundial do Consumidor

Conheça os seus direitos enquanto consumidor!

Seja um consumidor exigente e protegido

mercado solidário A 15 de Março assinala-se o Dia Mundial dos Direitos dos Consumidores. 

Os consumidores são o grupo económico que mais importâncias tem na economia e, aquele que nunca é verdadeiramente escutado. Esta ideia proveniente de John Kennedy, protagonizou o nascimento do Dia do Consumidor, enaltecendo os direitos deste núcleo, à segurança, à informação, à escolha e a ser devidamente ouvido.

Vivemos numa sociedade em que somos todos consumidores, remonta ao século XVIII, momento da tão badalada Revolução Industrial. Comprando bens ou serviços para nosso uso particular, quer para consumo ou para venda, todos vivemos numa sociedade, na qual consumir é a lei a cumprir.

Na condição de  potenciais consumidores de qualquer bem ou serviço, temos o direito à qualidade dessa mesma compra. O vendedor terá que garantir o seu bem estar e funcionamento, através de uma determinada via. Por isso, se fala tanto na palavra garantia, um prazo de tempo determinado e estipulado na lei, dos bens e serviços que adquirimos.

Os consumidores têm igualmente o direito à protecção da sua saúde e segurança física, daí que, os produtos ou a prestação de serviços nestas condições, sejam automaticamente retirados do mercado, mal seja detectada essa situação. Assim, é também garantido que todas as pessoas devem ter acesso à informação que, engloba estes direitos.

O Direito à Informação para o Consumo, é muito importante. O próprio vendedor ou o fornecedor, deve ser responsável pela transmissão da informação. O chamado “segredo de fabrico” é, normalmente, uma fraude. Deve ter bem presente o prazo estipulado, para o devolução do produto, caso este não lhe venha a agradar. Os interesses económicos, numa relação de compra e venda devem estar, correctamente estipulados e defendidos.

O Direito à Prevenção e Reparação dos Danos, tal como o Direito à Protecção Jurídica e à Justiça Acessível e Pronta, deve ser também preservado. Se os serviços prestados não forem os melhores, o consumidor tem o direito de exigir o reparo, da mesma forma que, pode recorrer à justiça para salvaguardar os seus interesses e direitos.

Temos também o direito de ter alguém que nos represente, como é o caso de associações. Estas desempenham um papel importante e poderão levar mais além e, de uma forma mais credível os interesses do consumidor. Porém, o consumidor também tem deveres: o dever da solidariedade, da consciência crítica, da preocupação social, da consciência ambiental e o dever de agir, para que não seja explorado.

Podemos falar em vários tipos de  consumo, nomeadamente o consumo via Internet, nas lojas ou fora delas, vendas ao domicílio ou por correspondência, as vendas ambulantes, compras em saldos ou em época de liquidação total. Também igualmente se incluem os Serviços Públicos, gás, luz, água, telefone, compra de moradias ou andares, cosméticos, calçado ou mesmo prestação de serviço, em vários locais como por exemplo, as lavandarias.

Aprenda a valorizar o seu papel  na evolução do mercado e no desenvolvimento da economia nacional. Saiba que enquanto consumidor, tem direitos dos quais deve usufruir, nem que seja para, deixar a sua crítica, num simples livro de reclamações de um qualquer estabelecimento

 

Seja um consumidor informado, saiba mais sobre os seus direitos, consultando:

protecção aos consumidores

Fonte: Deco Proteste

Dia Mundial dos Direitos do Consumidor

A 15 de Março de 1962, o presidente dos Estados Unidos da América, John Fritzgerald Kennedy, num discurso junto do congresso resumiu pela primeira vez na história política moderna os 4 direitos fundamentais dos consumidores: “ … todos, sem excepção, somos consumidores e temos direito à segurança, à informação, à escolha e a ser ouvido”.

Mais do que comemorar um dia é importante termos consciência do nosso papel enquanto consumidores:

  • Devemos estar informados para podermos fazer as escolhas certas.
  • Devemos conhecer os nossos direitos para, assim, os fazermos valer.

 Os direitos reconhecidos aos consumidores na Constituição e na nossa Lei são os seguintes:

  • Direito à protecção da saúde e segurança;
  • Direito à qualidade dos bens e serviços;
  • Direito à protecção dos interesses económicos;
  • Direito à reparação dos prejuízos;
  • Direito à informação e à educação;
  • Direito à representação e consulta.

 Para saber mais sobre, “Como prevenir Conflitos de Consumo” e “Como actuar em Caso de Conflito de Consumo”,  consulte o seguinte site:

( clique na imagem para aceder ao site )

III Feira da Juventude e Formação Profissional – Estarreja

A Câmara Municipal de Estarreja, em parceria com a Escola Secundária de Estarreja, vai realizar nos dias 25 e 26 de Março a III Feira da Juventude e Formação Profissional.  Pretende-se incentivar a participação activa dos jovens na construção de um futuro colectivo melhor, divulgando-se junto da população escolar e comunidade em geral informações sobre orientação vocacional, saídas profissionais, empreendedorismo, mercado de trabalho e emprego.

O certame decorrerá no Pavilhão da Escola Secundária com o seguinte programa e horário:

25 Março
10h30 Sessão de Abertura
11h00 – 18h00 Empreendedorismo – Gestão de Mini-Negócios – CLDS
13h30 Carreiras Militares (Palestra – 1ª sessão) [Sala 1]
15h00 Técnicas de Procura de Emprego – GIP (1º Workshop) [Sala 2]
15h15 Carreiras Militares (Palestra – 2ª sessão) [Sala 1]
16h00 Empreendedorismo – A Criação do Próprio Emprego – CLDS (Workshop) [Sala 2]
21h00 À Conversa sobre… Reciclagem de Óleos Alimentares [Escola Secundária]

26 Março
10h15 – 18h00 Empreendedorismo – Gestão de Mini-Negócios – CLDS
10h15 Técnicas de Procura de Emprego – GIP (2º Workshop) [Sala 2]
13h30 Acesso ao Ensino Superior (Palestra – 1ª sessão) [Sala 1]
15h00 Acesso ao Ensino Superior (Palestra – 2ª sessão) [Sala 1]
15h00 Técnicas de Procura de Emprego – GIP (3º Workshop) [Sala 2]
21ho0 À conversa sobre… Casos de Sucesso da ESE [Escola Secundária]

Compareça! A sua presença é fundamental!

Empreendedorismo e o desenvolvimento científico…

O presidente da Fundação Ilídio Pinho afirmou hoje que a ciência é a saída para a crise que Portugal atravessa e que os portugueses têm a “responsabilidade patriótica” de criar uma sociedade dinâmica.

  “Esta é a saída para a crise em que estamos envolvidos – a Ciência. Sem isso, Portugal passará, qualquer dia, a ser um fornecedor de criados e criadas para o mundo”, alertou Ilídio Pinho, acrescentando que os portugueses têm a missão de “transformar a sociedade conservadora em dinâmica, que leve Portugal a responder às responsabilidades meritórias”.

Ilídio Pinho considera que “é preciso levar conhecimento científico aos jovens” e a todos os portugueses, de forma a haver “capacidade de resposta [aos desafios] hoje, em tempo real”, pois para enfrentar os desafios do futuro “é preciso que os jovens, a começar no pré-escolar, encontrem o seu caminho de apoio à participação no desenvolvimento científico”.

Notícia retirada do site: Ciência Hoje

III Semana da Protecção Civil – Estarreja

A Câmara Municipal de Estarreja, através do Sector de Educação para a Protecção Civil, promove a 3ª edição da Semana da Protecção Civil, de 23 a 26 de Março, em articulação com os membros do Clube de Protecção Civil de Estarreja, na qual se inclui a ESCOLA SECUNDÁRIA DE ESTARREJA,  que foi fundado em Novembro de 2007.

A Semana da Protecção Civil nasceu na sequência da criação do Clube de Protecção Civil de Estarreja, o qual é formado por professores e alunos do 2º e 3º ciclos, CDOS Aveiro, CME, BVE, PACOPAR, GNR e Centro de Saúde de Estarreja. Sendo um Clube aberto, outras entidades podem ser enquadradas no Clube ou em actividades gerais desenvolvidas no âmbito da Educação para a Protecção Civil.

Objectivos: promover o contacto entre as entidades de protecção civil e a comunidade escolar e população em geral; transmitir informação sobre medidas preventivas de forma a minimizar os riscos, prevenindo catástrofes, acidentes e pandemias; sensibilizar a população para a participação activa de cada cidadão na protecção civil e na interiorização dos princípios da Protecção Civil.

Consulte aqui o PROGRAMA:

Fonte: Site da Câmara Municipal de Estarreja

O seu computador faz ciência… Plataforma de computação

Utilize o seu computador em prol da ciência.

Junte o seu computador a centenas de outros, a bem da investigação. O Ibercivis é um sistema ibérico que permite que o seu PC seja usado, à distância, para cálculos científicos em áreas como a da saúde. Saiba como em,

 www.oseucomputadorfazciencia.pt 

 

Livro do dia

Este livro ajuda o leitor a fazer uma organização consistente do orçamento mensal, orientando-o também na tomada das principais decisões de ordem financeira.

“A Economia lá d€ casa” é um livro imprescindível para o momento difícil que o país e o mundo estão a atravessar.

Repleto de dicas e de planos de emergência, este livro revela formas simples de poupar, de envolver toda a família na gestão do dinheiro… e até de fazer com que o seu banco passe a contribuir para as suas poupanças.

  EDITORA: Academia do Livro

  AUTOR: João Martins

 

 Com a leitura deste livro, vai ficar a saber informações importantes:

  • Pague-se a si mesmo em primeiro lugar.
  • Atenção às despesas escondidas de um cartão de crédito.
  • Tente pagar mais do que o mínimo exigido mensalmente pelo seu cartão de crédito.
  • Ter vários cartões de crédito é prejudicial para a sua saúde…financeira.
  • Não tenha o seu dinheiro dividido em muitas contas.
  • A lista de compras é sempre uma boa amiga.
  • O envolvimento dos filhos na gestão do orçamento pode ser surpreendente.

 

Frase do dia

 

“Os ideais que iluminaram meu caminho e que sempre me deram uma nova coragem para encarar a vida, foram: a bondade, a beleza e a verdade.”

Albert Einstein (Físico alemão, 1879-1955)

 

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

 

O dia da mulher é uma homenagem às mulheres que lutaram e ainda continuam a lutar pelos direitos igualitários. Durante séculos, o papel da mulher incidiu sobretudo na sua função de mãe, esposa e dona de casa. Ao homem estava destinado um trabalho remunerado no exterior do núcleo familiar. Com o incremento da Revolução Industrial, na segunda metade do século XIX, muitas mulheres passaram a exercer uma actividade laboral, embora auferindo uma remuneração inferior à do homem. Lutando contra essa discriminação, as mulheres encetaram diversas formas de luta na Europa e nos EUA.

A data foi adoptada pelas Nações Unidas, em 1975, para lembrar tanto as conquistas sociais, políticas e económicas das mulheres como as discriminações e as violências a que muitas mulheres ainda, hoje, estão sujeitas em todo o mundo.

Mas não podemos jamais esquecer o que esse reconhecimento custou. O dia da mulher, é um dia em que esta mensagem de reconhecimento necessita ser lembrada e divulgada no mundo todo.

 Dia INTERNACIONAL da MULHER

é o dia de celebrar a cor, a magia,

é a força que nos alerta que podemos

viver e amar como outro qualquer no planeta.

 

É a hora de valorizar o dom de misturar

dor e a alegria que nos faz rir quando

devíamos chorar e encontrar graça,

lutando sempre  pelos sonhos.

 
Fonte: Poema ( adaptado ) – www.crefito1.org.br/
 

Jornais e Revistas – A sua banca de jornais …

O Sapo criou uma Banca de Jornais com os melhores títulos Nacionais e Internacionais, um excelente guia para quem gostar de ter acesso a notícias dos jornais mais importantes.

 Notícias sempre frescas e acessíveis!

– Clique na imagem para aceder à Banca de Jornais –

 

Estratégia Europa 2020

estratégia europa 2020

Durão Barroso alertou os estados membros da União Europeia (UE) para o risco de declínio que enfrentam se não actuarem em conjunto na construção de uma “nova economia inteligente, verde e inclusiva”.
A UE tem um programa a dez anos que os 27 membros da Comissão Europeia vão aprovar para substituir a Estratégia de Lisboa, concebida em 2000 para tornar a UE na economia mais competitiva do mundo, em 2010, mas cujos resultados ficaram muito aquém do esperado.
A nova estratégia, baptizada
Europa 2020, pretende “transformar a UE numa economia inteligente, verde e inclusiva, com elevados níveis de emprego, produtividade e coesão”.

Bruxelas pretende  avançar com  cinco metas quantificadas que os Vinte e Sete terão de procurar atingir até 2020. Embora sejam fixadas ao nível europeu, as metas serão adoptadas pelos estados-membros em programas nacionais que terão em conta a situação específica de cada um.
O cumprimento conjunto destas metas “poderá resultar” num crescimento anual do PIB de dois por cento e a criação de 5,6 milhões de novos postos de trabalho:

As metas propostas pela comissão Europeia são:

1. Aumento da taxa de emprego da população activa entre 20 e 64 anos dos actuais 69 por cento para 75 por cento;

2. Aumento do investimento em investigação científica (I&D) de 1,9 por cento do PIB para três por cento. Este objectivo já estava previsto na Estratégia de Lisboa, mas Bruxelas pretende analisar a possibilidade de criar um novo indicador associando a I&D e a inovação, e fixar uma nova meta para o aumento do investimento dos actuais 2,9 por cento do PIB para quatro por cento;

3. Redução das emissões de CO2 em 20 por cento face aos valores de 1990, aumento da parte das energias renováveis em pelo menos 20 por cento do total, e redução do consumo de energia de pelo menos 20 por cento;

4. Aumento da parte da população entre 30 e 34 anos com formação universitária completa de 31 por cento actualmente para pelo menos 40 por cento; redução da taxa de abandono escolar de 15 por cento actualmente para 10 por cento;

5. Redução de 25 por cento do número de europeus que vivem abaixo do limiar de pobreza, “tirando 28 milhões de pessoas” da pobreza.

Estas metas já estavam quase todas previstas na Estratégia de Lisboa, enquanto os objectivos relativos à redução do CO2 e do consumo de energia e aumento das energias renováveis são a trave mestra do programa europeu de protecção do clima.

 

Fonte: Jornal público de 3 de Março

XVII Semana Informática

O Instituto Superior Técnico (IST) vai receber, entre 8 a 12 de Março, no campus da Alameda, a XVII Semana Informática. Organizada pelos alunos de Engenharia Informática e de Computadores, e em colaboração com o Núcleo Estudantil de Informática do IST, esta semana visa a partilha e debate de temas da actualidade do mercado das Tecnologias de Informação, cada vez mais presente no dia-a-dia da população em geral.
 
Workshop “Da candidatura ao emprego” e “Cyber crime e o futuro” (Polícia Judiciária), “iPad e iPhone” (Methodus), “Pond – ferramenta finalista no 2010 SXSW Web Awards” (oradores do Sapo), “Cloud computing” (Novabase) são algumas das palestras a que os presentes poderão assistir.
 
Da lista de oradores convidados poderá contar com a presença de nomes de referência como Marta Dias, do Great Place to Work® Institute Portugal, Clayton Miller, personalidade norte americana de referência e designer gráfico e interacção que desenvolveu o 10/GUI.
 
O Ciclo de Conferências terá lugar no Centro de Congressos do Pavilhão de Engenharia Civil e a Exposição de Tecnologia no átrio do Pavilhão Central.

A participação é gratuita e aberta a todos os interessados, sem necessidade de inscrição.

Mais informações:

XVII Semana Informática – Instituto Superior Técnico

Júlio Resende – Inéditos na Biblioteca Municipal de Estarreja

O Município de Estarreja está indissociavelmente ligado à cultura na sua plena diversidade. Na Biblioteca Municipal de Estarreja está patente uma exposição de pintura do Mestre Júlio Resende, um dos maiores nomes da arte contemporânea portuguesa.

A exposição, integrada na Semana da Leitura do Município de Estarreja, apresenta os originais que serviram à ilustração inédita do livro  “O Grande Feiticeiro Amarelo” da autoria da escritora Helena Osório, que recebeu o apoio da Câmara Municipal e será apresentado em várias Escolas do Município durante o mês de Março.

O conto, uma história para o público infantil, inspirado na obra de Júlio Resende em Goa, com desenhos seus inéditos, fala de um cavaleiro amarelo que se veste de ouro e não sabe sorrir.

Fonte: Site da Câmara Municipal de Estarreja

The Marketing Service Time – 4ª edição

11 de Março será a data de realização da 4ª edição do QSP Summit, na Exponor.  “The Marketing Service Time” é a temática desta conferência internacional, a contar com Leonard Berry, Klaus Wertenbroch e Pedro Dionísio como oradores principais.
 
O recurso ao marketing em serviços é cada vez mais relevante para as organizações, que tendem a afirmar o seu diferencial na oferta de produtos com serviços agregados reconhecidos e valorizados pelo cliente, traduzindo-se em fidelização e aumento de rentabilidade. Por outro lado, também é inequívoca a importância determinante dos “touch points” no sucesso das organizações, onde o processo de operacionalização do serviço contará com inúmeros factores estratégicos que serão destacados nas diferentes intervenções da QSP Summit 2010.
 
Leia aqui o programa:
 
 
Fontes: Blogue: – FaceTuris

 

Semana da Leitura do Município de Estarreja

Mais uma excelente iniciativa da Biblioteca Municipal de  Estarreja!

De 1 a 12 de Março a  Biblioteca Municipal de Estarreja (BME) promove a Semana da Leitura do Município de Estarreja. O evento decorre na Biblioteca Municipal, nos Pólos de Leitura de Avanca e Pardilhó, nas Bibliotecas escolares dos Agrupamentos de Escolas de Avanca, Pardilhó e Estarreja e na Escola Secundária.

Clique na imagem para aceder ao PROGRAMA.

 

Fonte: Site da Câmara Municipal de Estarreja